quinta-feira, 11 de outubro de 2012

Arqueólogos Descobrem Cidade Mais Antiga da Europa



O sítio arqueológico. Foto: EFE

BULGÁRIA. Uma equipe de arqueólogos búlgaros encontrou os restos de umacidade de 6,700 anos na região oriental do país, o quê qualificaria o achado como a mais antiga cidade européia.

O chefe das escavações, professor Vasil Nikolov, diz que a cidade pode ser datada entre 4,700 e 4,200 antes de Cristo: Esta é a mais antiga fortificação de pedra do período pré-histórico documentada até agora na Europa.

O trabalhos desenterraram paredes que medem entre 2 a 3 metros de espessura por 3 de altura, dimensionadas nestas proporções, provavelmente, para evitar assaltos ao mais precioso dos bens naquela época:o sal.

O sal tinha o valor que hoje tem o petróleo, por exemplo - comentou Nikolov lembrando que o sal era usado como moeda em um momento histórico em que o ouro e o cobre eram apenas símbolos de prestígio.

A Cidadela, situada há cerca de 50 km de Varna, o terceiro maior centro urbano da Bulgária, cidade litorânea às margens do Mar Negro, havia desenvolvido um comércio em larga escala que incluía o transporte do sal à grandes distâncias ao sul, onde o produto era trocado por alimentos e outras mercadorias.

Na cidade, edificações de casas de dois andares, algo extraordinário no período, mostra que ao menos 350 pessoas que habitavam a cidade desfrutavam de uma posição social de elite; eram ricos.

O sal era extraído de águas subterrâneas que jorram na superfície sendo recolhidas e grandes vasos onde, expostas à evaporação, deixavam como resíduo o precioso mineral. Especialistas acreditam que a cidade foi habitada por 500 anos e foi abandonada quando as fontes de sal, secaram.

A análise dos túmulos revelou rituais funerários peculiares: em alguns, foram encontrados somente a parte superior do corpo, tronco e braços, sem os membros inferiores. Em uma das sepulturas, havia um esqueleto com um osso preso na pélvis.

Vasil Nikolov lembrou, ainda, que em 1972, nesta mesma região, foram descobertas amostras de ouro e recuperados quase 3 mil objetos e jóias desse metal além de 300 túmulos cuja idade foi estimada em 6,400 anos.

FONTE: PÚNCHEV, Vladislav. Arqueólogos búlgaros afirman haber encontrado la ciudad más antigua de Europa.
VANGUARDIA, publicado em 10/10/2012.
[http://www.vanguardia.com.mx/arqueologosbulgarosafirmanhaberencontradolaciudadmasantiguadeeuropa-1391957.html]

Nenhum comentário:

Arquivo do blog