sexta-feira, 28 de janeiro de 2011

Bioluminescência – As Águas Que Brilham no Escuro da Noite



AUSTRÁLIA – Em Gippsland Lakes, estado de Victoria, sudeste australiano, a concentração anormal, excessiva, de um micro-organismo chamado Noctiluca Scintillans, produz um estranho e fascinante efeito de visual tornando as águas dos lagos luminosamente coloridas em um tom azul muito brilhante.


O fenômeno, muito raro nessa escala, resulta de uma reação química, a bioluminescência, acontece naturalmente quando a massa dos microorganismos é perturbada ou movimentada por agitação nas águas. Pessoas que mergulhem em águas assim, molhadas com essa água, saem do lagos igualmente azuis e fosforescentes.


O complexo lacustre de Gippsland possui seis grandes lagos além de pântanos e lagoas. Especialistas acreditam que a ocorrência do fenômeno com essa magnitude deve-se à combinação de incêndios florestais e inundações, que produziu altos níveis de nutrientes naquela região, nutrientes do tipo que alimentam os micro-organismos favorecendo sua rápida multiplicação.

FONTE: The lake that glows in the dark: Eerie phenomenon that turned waters (and midnight swimmers) luminous blue.
IN Daily Mail, UH publicado em 27/01/2011.
[http://www.dailymail.co.uk/news/article-1350686/Glowing-dark-Eerie-phenomenon-turned-swimmers-brighter-shade-blue.html]





Vulcanismo: O Despertar do Shinmoedake


Shinmoedake é um vulcão situado na ilha japonesa de Kyushu.
Sua idade idade é estimada em dezenas de milhares de anos.
É um vulcão ativo e suas erupções têm sido registradas desde
1716 até hoje.


JAPÃO – Em Kyushu, (cujo nome significa Nove Províncias), a terceira maior ilha do arquipélago japonês, o vulcão Shinmoedake, localizado no monte Kirishima, acordou, entrou em erupção ejetando rochas e aspergindo uma densa nuvem de cinzas por todo o sul do Japão. A fumaça tomou a atmosfera com uma camada de poeira vulcânica que, além de extensa, alcançou até um quilômetro e meio de altura.


Um relâmpago corta os céus abalados pela erupção
Shinmoedake. Demonstração de poder da Natureza.


Especialista da Agência de Vulcanologia, Sei Lijima explicou que a erupção não representa ameaça para as cidades próximas e, ao que tudo indica, uma erupção de maiores proporções não é iminente. Todavia, as autoridades estabeleceram um perímetro de segurança de dois quilômetros em torno do vulcão: Nunca se pode, realmente prever, quando uma erupção é iminente. O indicador geológico de um evento deste tipo é a constatação de que existe magma se movimento próximo à superfície, o que não acontece, neste momento, com o Shinmoedake.

O Shinmoedake faz parte de um complexo de 20 vulcões, todos situados no monte Kirishima. A erupção começou na madrugada, por volta da 7:30 da noite do dia 26 alcançando grande intensidade de emissão de fumaça no meio da tarde do dia 27 (janeiro, 2011). Embora seja freqüente a atividade moderada constante dos vulcões no monte Kirishima, esta é a maior erupção observada desde 1959.



Embora, oficialmente, o espaço aéreo acima da montanha tenha permanecido aberto neste dia 27, as companhias aéreas cancelaram vôos por falta de condições de visibilidade. O mesmo ocorreu nas estradas da região, que foram fechadas. A emissão de cinzas foi tão intensa que os trilhos da Japan Rail ficaram cobertos com densa camada do pó; as linhas foram canceladas.

Um pequeno centro de recepção de desalojados eventuais foi criado ainda durante a noite na cidade de Takaharu, sete milhas aleste de Kirishima. Gerente de Assuntos Gerais da Cidade, Yuji Nakashima ouviu alguns relatos. Moradores assustados disseram que suas janelas estavam chacoalhando e podia-se ouvir os sons dos rugidos da montanha.

FONTE: Lightning and fire: Japan on alert after volcano's biggest eruption in 50 years.
IN Daily Mail, UK - publicado em 27/01/2011.
[http://www.dailymail.co.uk/news/article-1351064/Japan-raises-alert-following-volcanos-biggest-eruption-50-years.html]



quinta-feira, 27 de janeiro de 2011

Ambam – O Gorila Que Prefere Ser Humano



INGLATERRA, UK – Em Port Lympne, o Wild Animal Park próximo da cidade de Hythe, Kent – Inglaterra, vive o gorila Ambam, de 21 anos. Ambam é uma figura imponente e singular: caminhando em seus domínios, no Parque, com uma aparência sisuda, ele chama a atenção pelo seu porte humano. Ele jamais anda de quatro. Ambam "escolheu" andar como um perfeito bípede, ereto, contando com forte par de pernas. Mesmo quando caminha bastante fazendo longa distância ele não se curva.

O "Costas de Prata", pois o pêlo de suas costas largas, de fato, é prateado, está chamando a atenção do mundo, por meio dos midia e muito especialmente a internet, no Youtube, depois que funcionários e visitantes do Parque e uma cientista notaram e documentaram o fenômeno.





Os gorilas, em geral, usam os quatro membros para se locomover. Como são muito pesados, usam as costas bem protegidas de suas mãos para apoiar-se no chão, aliviando o esforço da caminhada. Eventualmente, colocam-se sobre as duas pernas para alcançar galhos de árvores ou para obter visão melhor do seu em-torno. Mas poucos gorilas apresentam a habilidade e, sobretudo, a "preferência" de Ambam de caminhar e permanecer tanto tempo sobre duas pernas.

Ingrid Naisby, que trabalha com o gorila há 16 anos comenta que este comportamento é muito incomum nos gorilas. Ela conta: Ele sempre gostou de ficar de pé e conseguiu esse nível de equilíbrio praticando por iniciativa própria. Ambam chegou a Port Lympne há sete anos e hoje é o maior gorila do Parque. De pé, ele mede 1 m e 83 cm de altura e pesa mais de 200 kg.





O gorila foi filmado pela pesquisadora Johanna Watson durante um trabalho que ela fazia sobre a locomoção de grandes animais. Resultado: Ambam está no YouTube...

FONTE: Ambam, the swaggering silverback gorilla who walks around his pen on two legs.
IN Daily Mail, UK – publicado em 27/01/2011
[http://www.dailymail.co.uk/news/article-1350765/Gorilla-walks-like-man-filmed-zoo-Kent-Ambam-silverback.html]


quarta-feira, 26 de janeiro de 2011

OVNIs e Morte de Peixes



COLÔMBIA – Em Llanito, bairro situado ao norte da cidade de Barrancabermeja, a morte coletiva de dois mil peixes está sendo a atribuída pelos moradores do local, a agentes alienígenas. Testemunhas dizem que um objeto não identificado pairava por cima das águas de um mangue emanando uma luz brilhante e depois desapareceu. Depois disso, os peixes começaram a aparecer boiando mortos nas águas. Esses peixes apresentavam sinais de queimaduras nas escamas e nas guelras.

A lider comunitária de El Llanito informou que o fenômeno da aparição do OVNI durou aproximadamente 20 segundos. No bairro de Puente Sogamoso, cidade Porto Wilches, pessoas relatam que também viram o objeto, que era redondo e sobrevoou a área com movimentos laterais.

A Secretaria municipal do Meio Ambiente diz que as mortes estão relacionadas à falta de oxigênio nas águas do pântano mas a Associação de Pescadores rejeitou essa hipótese alegando que nunca houve uma mortandade de peixes como essa que foi registrada. Uma comissão chefiada pelo secretário do Meio Ambiente, Isaac López vai inspecionar o pântano de Barrancabermeja a fim de apurar as reais causas do fenômeno.

FONTES
Mortandad de Peces en Barrancabermeja es atribuida a fenómeno sobrenatural.
IN RCN Rádio – publicado em 25/01/2011
[http://www.rcnradio.com/noticias/25-01-11/mortandad-de-peces-en-barrancabermeja-es-atribuida-fen-meno-sobrenatural].
Muerte de peces en Colombia es atribuida a "fenómeno sobrenatural".
IN El Universal – publicado em 25/01/2011.
[http://www.eluniversal.com/2011/01/25/int_ava_muerte-de-peces-en-c_25A5042971.shtml].


terça-feira, 25 de janeiro de 2011

Redwood – A Árvore Vampiro




California, USA – O albinismo é uma mutação genética. Animais albinos são bem conhecidos. Muitos, aparecem nos mídia como atrações do mundo animal: leões, crocodilos... Um albino é uma visão estranha porém, muitas vezes, bela. Pouco se fala deste tipo de mutação em plantas. E uma planta albina pode ser muito, muito estranha.

As sequóias albinas são raríssimas (Redwoods). São árvores que não possuem o pigmento verde ou seja, não possuem clorofila. Considerando que sem clorofila uma planta como a Sequóia não respira, não metaboliza nutrientes, não vive, resulta que a sobrevivência de uma Sequóia albina somente é possível porque a árvore comporta-se como um vampiro. E ela se parece mesmo com uma versão vegetal de um vampiro: essas sequóias pálidas nutrem-se sugando a vida de outras árvores.

Desde que brotam, permanecem intimamente ligadas às raízes de suas árvores-mães. É deste modo que sobrevivem: sugando a mãe... Podem viver assim por um século. Quando fenômenos climáticos tornam o lugar mais hostil, como em secas prolongadas, por exemplo, a árvore-mãe interrompe o fluxo da seiva vital ou, ao menos, reduz em muito a transferência. A filha albina parece morrer adquirindo uma tonalidade marrom. Todavia, quando as chuvas voltam a ser abundantes, a albina renasce, como um vampiro despertando de uma longa letargia.

Em todo o mundo, são conhecidas apenas 25 (vinte e cinco) dessas árvores. Oito estão em Henry Coel State Park, na Califórnia, onde são estudadas por pesquisadores da Stanford University e UC Santa Cruz. O parque tem a maior concentração de sequóias albinas do mundo o quê torna o lugar epicentro de um mistério científico.

FONTE: A Creepy Monster of the Forest: The Albino, Vampiric Redwood Tree.
IN Discovery Magazine/Discoblog – publicado em 12/08/2010
[http://blogs.discovermagazine.com/discoblog/2010/12/08/a-creepy-monster-of-the-forest-the-albino-vampiric-redwood-tree/]



Lobos Fogem da banda Creed


NORUEGA – Em Rakkestad, Walter Eikrem, 13 anos, escapou de ser atacado por um bando de lobos graças à música da banda norte-americana Creed. O rapaz fazia seu caminho de volta da escola para casa quando deparou-se com a matilha.

Atemorizado, ele não teve tempo esboçar qualquer reação mas, naquele momento, seu telefone celular, funcionando como music player, tocava música da Creed, mais especificamente, a canção Overcome. Eikrem aumentou o volume para tentar assustar os animais e para sua surpresa, funcionou. Os lobos começam a dar as costas e deixaram o local rapidamente. Bien, se dependesse de lobos noruegueses, banda Creed jamais teria saído de garagem. Meditemos...

FONTE: JAMES, Kate. Norway Boy Fends off Wolves With Creed Song.
IN Gather publicado em 22/01/2011
[http://news.gather.com/viewArticle.action?articleId=281474978968962]



Pterossauros


WHASHINGTON/CHINA, AFP – Um fóssil velhíssimo, 160 milhões de anos, o esqueleto quase completo de um Darwinopterus foi encontrado em rochas sedimentares do período Jurássico, na província de Liaoning, nordeste da China. O animal morreu e seu esqueleto dividiu o túmulo geológico com seu ovo. Era uma fêmea e seus restos mortais podem esclarecer muito sobre os pterossauros e como viviam na Terra em arcanas eras do passado mais remoto da vida no planeta.

Os pterossauros tinham sangue quente. Essas criaturas aladas coexistiram com os dinossauros entre 65 e 220 milhões de anos atrás. Sua aparência era uma mistura de morcego, cegonha e ave de rapina. A equipe de pesquisadores, britânicos e chineses que descobriram o fóssil, apelidaram o achado de Mrs. T.. Eles constataram que a fêmea do pterossauro possui quadris mais largos que os machos e não tem, na cabeça, a crista característica do sexo oposto.

O paleobiólogo do Departament of Museum Studies da University of Leicester, David Unwin, destaca que este achado é especial porque encontar o fóssil da mãe junto ao seu ovo é algo inacreditavelmente raro. É primeiro pterossauro descoberto nessa condição.

O surgimento de Mrs. T. é um marco definitivo que permitirá, d'hora em diante, identificar outros esqueletos como sendo pertencentes a machos ou fêmeas. Ambos os gêneros apresentam mais ou menos o mesmo tamanho. Agora, o padrão dos quadris e o distintivo da crista elimina qualquer dúvida.

Além de Mrs. T., na mesma formação rochosa foram encontrados partes dos esqueletos de ao menos 10 outras criaturas semelhantes: pescoço e cauda alongados, boca saliente em forma de bico. Bico guarnecido de fileiras de dentes aguçados. O quinto dedo é alongado. Pterossauros.

Arqueologia, paleontologia, antropologia, são ciências que demandam análises, muitas vezes demoradas, a fim de se chegar o mais próximo possível da verdade. Os cientistas das Universidades de Leicester, Lincoln e do Instituto Geológico de Beijing – China, estudam esse fóssil desde 2009, quando foi identificado. Desde então foram recolhidos indícios de que a morte da criatura foi precoce e violenta.

O animal tem ossos quebrados visíveis próximos à sua asa sugerindo algum tipo de acidente súbito, como uma erupção vulcânica ou uma tempestade o atingiu. A fratura tornou impossível o vôo da criatura. Ela caiu em meio aquoso e provavelmente, morreu afogada. O ovo, que estava em vias de ser posto, foi empurrado para fora do corpo do animal quando em decomposição.

Esta associação de achados, a fêmea e seu ovo, é única na história da criptozoologia dos pterossauros. Jamais houve descoberta semelhante, afirmou o especialista Christopher Nennett da Kansas State University. Os especialistas entusiasmam-se porque o espécime e seu ovo permitiem que, agora, os esqueletos de pterossauros possam ser identificados como machos ou fêmeas, o que, até então, não era possível.


FONTE: SHERIDAN, Kerry. Fossil of mom with egg reveals Pterosaur's female form.
IN NewsYahoo/AFP – publicado em 20/01/2011
[http://news.yahoo.com/s/afp/20110120/sc_afp/sciencepaleontologybritainchina].



sábado, 22 de janeiro de 2011

Quando o Segundo Sol Chegar...



AUSTRÁLIA – Muito em breve, um segundo sol poderá brilhar no horizonte da Terra. É o que diz, professor, astrofísico associado à University of Southern Quensland, Dr. Brad Carter. O segundo sol será a famosa estrela vermelha – chamada Betelgeuse, a segunda maior estrela da constelação de Órion. O que ocorre é que Betelgeuse está perdendo massa, indicação típica que um colapso gravitacional está acontecendo.

Dr. Carter explica: A velha estrela está ficando sem combustível em seu núcleo. Esse combustível mantém Betelgeuse brilhando. Quando a reserva esgotar-se a estrela sofre um colapso... (densificando-se em si mesma). Em termos cósmicos ...Isso acontece, muito rapidamente. Na sequência, o que ocorre é uma fortíssima explosão resultando em supernova, uma estrela branca dezenas de milhões de vezes mais brilhante que o Sol deste sistema planetário, ao qual pertence a Terra.

Ainda de acordo com o astrofísico, super-nova será tão brilhante que, durante algumas semanas, poderá ser vista neste mundo, como o um segundo sol. Nesse período, poderá não haver noites no planeta. A explosão também pode gerar uma estrela de neutrons ou um black-hole, um buraco negro há 1.300 (mil e trezentos) anos-luz distante da Terra.

A explosão e o brilho ofuscante é ultimo suspiro de uma estrela. Mas o segundo sol tem vida curta. Aos poucos, seu brilho começa a torna mais e mais tênue até não ser mais visível, da Terra.


Diante desta notícia e mesmo antes dela, as teorias apocalípticas associam a grande catástrofe final com uma supernova cuja aparição seria iminente. Betelgeuse, naturalmente está sendo cotada para ser esta estrela do Apocalipse, até porque, seu nome é, eventualmente, associado ao Diabo.

Ao contrário, afirma Dr. Carter. Longe de ser maléfico, este evento cósmico seria benéfico para a Terra. Quando uma estrela sofre seu próprio big-bang, ela produz uma forte dispersão de minúsculas partículas: os neutrinos são as mais conhecidas mas, há outras. Essas partículas, que chegarão à Terra imperceptivelmente para os homens, vão interagir em processos geofísicos que produzem elementos essenciais à vida na Terra.

FONTES

Tatooine's twin suns - coming to a planet near you just as soon as Betelgeuse explodes.
IN News Austria publicado em 19/01/2011.
[http://www.news.com.au/technology/sci-tech/tatooines-twin-suns-coming-to-a-planet-near-you-just-as-soon-as-betelgeuse-explodes/story-fn5fsgyc-1225991009247]
Two Suns? Twin Stars Could Be Visible From Earth By 2012.
IN The Huffington Post publicado em 20/01/2011
[http://www.huffingtonpost.com/2011/01/20/two-suns-twin-stars_n_811864.html].



Nova York – Chuva de Gosma


Seja lá o que for, isso não normal. Meditemos...


Nova York, USA – A Federal Aviation Administration – agency (FAA) iniciou uma investigação a fim de apurar a precipitação, uma chuva mesmo, de uma misteriosa gosma verde-amarelo. Segundo moradores da área atingida, em Snyder, estado de Nova York, a "coisa" caiu do céu entre as nove horas da noite e a meia-noite, na terça-feira, dia 18/01/2011. As casas situadas ao longo da rodovia Washington (Washington Highway) e Drive Berryman ficaram cobertas com a substância.

A cor e a textura da gosma, em um primeiro momento, despertaram a suspeita de aquilo fosse blue-ice, ou – gelo-azul, um apelido bem poético para excrementos humanos congelados caídos do céu provenientes de uma aeronave. Porém, investigações preliminares da FAA descartaram essa possibilidade. Todavia, o Coordenador de Resíduos, (deve ser algo como o Gerente do Lixo, a que ponto chegamos!) adianta que, olhando para a gosma pode-se chegar a uma teoria bastante desagradável.




Uma porta-voz do Gabinete de Supervisão da cidade de Amherst, Lisa Kistner informou: Recebemos uma chamada esta manhã. Era uma mulher que possui uma casa na Washington Highway. Ela disse que aconteceu a mesma coisa no ano passado....

A mulher atribui o fenômeno a distúrbio digestivo das gaivotas da região; ...porque elas comem fast-food do McDonald's... como as batatas fritas que encontram nos sacos de papel jogados nos estacionamentos. (É possível. Mas, neste caso, pelo que se ê nas fotografias, é de se supor que o distúrbio intestinal é uma mega-diarréia coletiva das gaivotas).

A denunciante sugeriu fiscalização para que os restaurantes de fast-food limpem com presteza suas imediações para evitar que o fenômeno não se repita. Os peritos em pássaros, analisando as imagens da gosma, concordam que, realmente, a substância é semelhante ao excremento de pássaros. Todavia, não concordam que a diarréia seja das gaivotas... e culpam um bando de estorninhos malhados que freqüentam o estado de Nova York em janeiro.




FONTE: Mystery as greenish-yellow goo falls from the sky.
IN New York. IN Daily Mail, UK – publicado em 21/01/2011.
[http://www.dailymail.co.uk/news/article-1349151/Mystery-greenish-yellow-goo-falls-sky-New-York.html]



sexta-feira, 21 de janeiro de 2011

Quer "Sumir Deste Mundo?" Hospede-se no Orbital Hotel



RÚSSIA – O mundo dos grandes negócios está de olho no turismo espacial. Atualmente, já é possível comprar uma passagem para passeios em ônibus espaciais. Um roteiro acessível a uns poucos milionários. Porém, a indústria avança em seus planos e, entre Estados Unidos e Rússia, os empresários disputam o pioneirismo no novo negócio.

A Rússia poderá ser o primeiro país a construir um Hotel Orbital. De acordo com os cientistas, um hotel como esse poderá estar recebendo seus primeiros clientes entre os anos de 2015 e 2016. O hotel dos russos vai oferecer o conforto de suites com vista panorâmica para o Universo; ao contrário de um projeto norte-americano que pretende disponibilizar meros aposentos infláveis.

O hotel dos russos terá quatro cabines-suítes sendo capaz de acomodar até seis pessoas de uma só vez. Além dos turistas espaciais, a estação-hotel abre uma nova fronteira de estudos para pesquisadores. As instalações também poderão ser usadas como abrigo de emergência para tripulações das ISS – International Space Station (Estação Espacial Internacional).

O responsável pelo projeto, Sergei Kostetenko da Orbital Tecnologies, disse que o início da construção é previsto para 2013. O projeto está sendo desenvolvido pela principal empresa russa que atua na área da cosmonáutica tripulada, a Rocket and Space Corporation Energia.

O "space-cais" do Hotel será apto a receber naves Soyuz, Progress e naves outras de outros países. O hotel serrá localizado próximo à uma Estação Espacial Internacional mas não contará com um veículo de resgate. Esse "detalhe" não assusta os clientes, que estão fazendo reservas de quartos!

Os norte-americanos também ocupam-se de projeto semelhante: o CSS Skywalker. Um dia em órbita custará um milhão de dólares por pessoa não incluso o preço do "transporte". Todavia, esse preço tende a baixar com o tempo.

Há quatro anos atrás a Galactic Suite, da Espanha, anunciou o lançamento de um hotel espacial para 2012. Na época, representantes da empresa informaram que o pacote de três dias na Estação custaria quatro milhões de dólares e os viajantes deveriam submeter-se a dois meses de preparação física. Mas este projeto não foi para frente.

Porém, tanto entre russos quanto entre norte-americanos, o turismo espacial ainda tem muito a fazer antes de se tornar um negócio realmente viável. O editor da revista Cosmonáutica, Igor Afanasyev diz que nenhuma das duas potências tem condições de viabilizar o turismo espacial imediatamente ainda que se as instalações estivessem prontas e em órbita. Faltam, sobretudo, naves de transporte para levar os turistas até os hotéis. Se fosse hoje, os norte-americanos teriam que alugar foguetes russos Soyuz para atender clientes.

Porém, atualmente, nem a Rússia tem foguetes Soyuz suficientes para viabilizar os passeios. Além disso, seria necessário que essas naves de transporte fossem maiores e, de preferência, mais rápidas. Naves de uma nova geração. As dificuldades são grandes mas não há dúvida de que, se os empresários tiverem tempo, se a civilização não entrar colapso, os empresários chegarão lá.

FONTE: GORBUNOV, Artyom. Russia to leave USA behind in building space hotel.
IN Pravda English publicado em 20/01/2011
[http://english.pravda.ru/science/tech/20-01-2011/116588-space_hotel-0/]



Esse Maldito Telefone!

UCRÂNIA – Em Kiev, Gena um crocodilo de 14 anos passa mal de saúde no Dnipropetrovsk Oceanarium. O animal começou a começou a recusar comida depois de engolir o telefone celular de uma visitante, que deixou cair o aparelho tentando fotografá-lo no mês passado (dezembro, 2010).

O telefone toca muitas vezes o que mostra a insensibilidade da proprietária do chip: nem para desativar a porcaria! 

A mulher, Rimma Golovko, reclama de volta seu SIM card, que contém fotografias e contatos. 

O crocodilo foi encaminhado à uma clínica para submeter-se a exame de raio-X a fim de que os médicos verifiquem se o telefone está lá e onde é "lá"... A cirurgia é considerada como último recurso.

FONTE: Phone keeps ringing in Ukrainian crocodile's tummy.IN Yahoo News/AP – publicado em 21/01/2011
[http://news.yahoo.com/s/ap/20110121/ap_on_fe_st/eu_odd_cell_phone_in_crocodile]

Relíquias, Políticas & Business: O Sangue de João Paulo II



POLÔNIA – O papa João Paulo II vai ser beatificado. Todo o mundo sabe disso. O Papa peregrino que beijava o chão das nações onde pisava vai virar santo. Sendo santo, é claro, é um produto. E já dizia um sábio rocker brasileiro, sobre J.P. II: o Papa é Pop! E a Igreja cristã do Vaticano, no momento, acolhe bem produtos que atraiam fiéis do rebanho disperso.



Em Varsóvia, capital e maior cidade da Polônia, terra natal de Karol Józef Wojtyła (1920-2005), um frasco de sangue contendo sangue do Papa polonês vai ser devidamente encapsulado e instalado na condição de santa relíquia em uma igreja polonesa.

O porta-voz do Centro João Paulo II disse que o frasco será acomodado em uma ampola de cristal e incorporado ao altar de uma igreja na cidade de Cracóvia. A igreja será inaugurada em maio. Adata precisa não foi divulgada mas a cerimônia deve acontecer após a beatificação, em 01 de maio (2011) Na história da igreja, o processo foi rápido e João Paulo II será o primeiro Papa, em 10 séculos, a ser beatificado por seu sucessor.

A idéia de colocar o sangue no altar foi do cardeal Stanislaw Dziwisz, arcebispo de Cracóvia, que foi amigo e secretário do falecido pontíficie. Este sangue colhido para exames médicos na Policlínica Gemelli, em Roma, pouco antes da morte de J. Paulo II em 2 de abril de 2005. Agora, o sangue está sob a guarda de Dziwisz. O cardeal acha que o sangue é a mais preciosa relíquia de João Paulo II.

A Igreja que hospedará a relíquia fica no bairro de Lagiewniki. Ela é parte de um centro que será dedicado à memória e ensinamentos de mais um Papa santo. Os papas canonizados somam 78 ao longo da história, fato do qual depreende-se que: Nem todo Papa é santo. Meditemos....



Nem todos, dentro da Igreja Católica sentem-se bem com esse tipo de "exibição". Para o padre jesuíta Krzysztof Madel, de Nowy Sacz (cidade da Polônia) – A tradição das relíquias vem das práticas medievais de ensino da Bíblia através de imagens e símbolos. No mundo de hoje, mais racional, a mensagem deve ser transmitida através dos ensinamentos contidos na vida de alguém (alguém, santo, pio, evidentemente).

O Papa João Paulo II tinha, de fato, uma característica de popularidade incomum e inesperada na segunda metade do século XX. Foi um Papa popular, carismático. Era o papa alpinista, poliglota e viajante. Depois de sua morte, nota-se uma certa especulação não-oficial em torno de sua imagem. Há notícias de que algumas autoridades polonesas desejavam que o coração, (um pedaço do santo!) ao menos (!) o coração de João Paulo II fosse removido para ser "enterrado" em solo pátrio.

Talvez, enterrar não fosse o mais apropriado. Afinal, um coração exposto vale mais em termos de atração turística do que o túmulo de um coração. O coração mumificado, certamente, seria colocado em uma redoma de cristal para ser venerado em alguma outra igreja ou catedral do país. Isso seria um belo começo para um circuito turístico-religioso polonês: a Via das Relíquias do Papa Santo Polonês. Não meditemos... melhor nem pensar nisso.

FONTES:

Pope's blood to be built into altar.
IN The Sydney Morning Herald, Autrália – publicado em 19/01/2011
[http://www.smh.com.au/world/popes-blood-to-be-built-into-altar-20110118-19vcn.html]
João Paulo II será 1º papa em séculos a ser beatificado pelo sucessor
IN notícias Terra – publicado em 15/01/2011
[http://noticias.terra.com.br/noticias/0,,OI4891645-EI188,00-Joao+Paulo+II+sera+papa+em+seculos+a+ser+beatificado+pelo+sucessor.html]



quinta-feira, 20 de janeiro de 2011

Inferno Africano: Porque a Escravidão, na África, Faz Parte da Cultura Popular!

África – A Escravidão de cidadãos africanos durante a expansão europeia no Novo mundo é sempre lembrada como uma horrenda mancha histórica. E de fato, é horrenda e, em última instância, injustificável. 

Nesse contexto, são sempre lembrados os execráveis colonizadores-navegadores portugueses, os "miseráveis judeus" envolvidos no aviltante comércio de gente! Jamais são lembrados os monstruosos africanos que venderam sua própria gente em troca de cachaça, por exemplo. (Como se aqueles africanos não tivessem suas próprias cachaças!)

Aqui e ali aparecem especulações sobre a concessão de diferentes tipos de compensações para a população afro-descendente nas Américas. 

Estranho é que a escravidão de africanos, hoje! atualmente, seja tão pouco comentada nos midia e pelos militantes da causa dos negros e afro-descendentes de escravos. Sim, isso é very strange, tanto empenho em afirmar e resgatar os direitos dos descendentes dos escravos do passado e tanta indiferença pelos escravos africanos em solo africano no PRESENTE!

A realidade do comércio de escravos na África pós-moderna (!?) chega a parecer uma mentira, um parêntese que abriga o terror de uma ficção-pesadelo em meio a uma realidade onde o Navio Negreiro NÃO PODE, de jeito nenhum ter qualquer espaço. Está mais do que na hora da África prestar as devidas satisfações ao mundo sobre a manutenção dessa sua maldita "cultura de bárbaros" [L.C.].

Muita gente pensa que a escravidão é uma coisa do passado mas a Escravidão continua a ser um dos fenômenos mais vergonhosos da Humanidade, hoje. Em 20 de dezembro (2010), a Interpol resgatou 140 crianças no Gabão, África. 

As crianças eram forçadas a trabalhar em mercados, usadas como escravas. Algumas não chegavam aos seis anos de idade. Essas crianças são raptadas ou compradas, dos próprios pais, em outros países mais pobres que o desgraçado Gabão que permite essa prática. As crianças recuperadas foram enviadas à orfanatos.

O Gabão, um dos países mais estáveis do continente Africano. É um país rico em petróleo, gás, manganês e minério de Urânio. 

Sua renda per capita era de 13 mil e 900 dólares, em 2009. Todavia, está claro que cidadãos e, principalmente governantes deste país, não são pessoas civilizadas, posto que aceitam, sabem, consentem no comércio de escravos em suas cidades.

Segundo fontes não-oficiais, a escravidão também prospera! em países onde foi abolida, finalmente, há poucas décadas atrás. 

Como na Mauritânia, onde a Abolição da Escravatura somente foi oficializada em 1980! Porém, ali, a lei é letra morta. Os ex-escravos [meus Eus!] os forros! da Mauritânia continuam escravos porque não lhes foi oferecida nenhuma alternativa de "inclusão social". Permanecem escravos por falta de opção.

Em Níger, a Escravidão somente foi abolida em 1995! Na realidade, segundo a Timidria, ONG que luta pelos direitos humanos  dedicada à erradicação da Escravidão naquele país, somente em 2003, 870 mil pessoas permaneciam escravas no país. 

Atualmente, enquanto o governo do Níger nega a existência de escravidão, a Timidria afirma que ainda existem, ao menos, 43 mil cidadãos que permanecem escravizados. Muitas dessas pessoas são conhecidas como Sadako; são mulheres. De acordo com a ONU e as organizações de direitos humanos, a situação também verifica-se com gravidade no Sudão, somália e Angola.

Sergey Karamayev, especialista russo na questão explica: Oficialmente, a escravidão não existe mais em nenhum lugar do mundo mas a verdade é absolutamente diferente. A escravidão continua a prosperar em países como o Congo e Serra Leoa (...e a lista de países africanos escravagistas somente aumenta!).

Em meios aos conflitos armados que disputam poder político, facções rivais utilizam escravos. Existem várias categorias de escravos: combatentes, para transportar armas ou mesmo lutar na defesa de seus raptores. Outra categorias cuida dos trabalhos domésticos como cozinhar e lavar roupa. Outros, são escravos e escravas sexuais. Há os que trabalham em minas e escavações.


Escravidão no Mundo

Todavia, o fato, que em nada minimiza a situação africana, é que a escravidão existe, também, em outros países, como no (chamado) Terceiro Mundo. 

A Escravidão, ainda que clandestina, ilegal, pode ser encontrada no Sul e Sudeste da Ásia, em países como Paquistão, Sri Lanka, Nepal, Birmânia; no Oriente Médio e na América Latina.

A Europa também tem um submundo de escravos cujo número é estimado em 400 mil pessoas. No Velho Mundo, predomina a escravidão sexual. 

Boa parte destes escravos e escravas, incluem crianças e são "importados" por agentes africanos estabelecidos em países europeus. 

Escravidão sexual que também foi localizada nos Estados Unidos, Israel, Turquia e Hong Kong. O mundo do terceiro milênio d.C. possui, hoje, cerca de 30 milhões de seres humanos escravizados. Um especialista da ONU informa: um escravo sexual produz até 7 mil dólares mensais de renda para seu proprietário.

FONTE: BALMASOV, Sergei. Slavery, African style, continues to prosper. 
IN Pravda English publicado em 22/12/2010.
[http://english.pravda.ru/hotspots/crimes/22-12-2010/116313-slavery-0/]

quarta-feira, 19 de janeiro de 2011

As Catástrofes & As Almas Penadas



CANTERBURY, Nova Zelândia – Em setembro de 2010 a Nova Zelândia sofreu um forte terremoto com magnitude de 7.1 na escala Ritcher. Entre as consequências, um efeito na esfera do sobrenatural. Segundo Anton Heyrick, membro fundador da Christchurch Paranormal Investigators, o número de chamados no telefone da instituição aumentou notavelmente depois da catástrofe.

As notificações e pedidos de ajuda referem-se à intensificação de pessoas que sentem que existe algo a mais, algo errado em suas casas. A maioria dos relatos refere-se a barulhos estranhos mas ao menos um homem declarou ter sido atacado por um fantasma.

Heyrick acha possível que o terremoto seja responsável pelas atitividades paranormais. Pode ter acontecido algo como um acordar dos fantasmas. Muitos prédios antigos foram danificados isso tende a despertar espíritos adormecidos. Todavia, uma situação mais dramática pode ter dado início à onda de fenômenos, manifestações: a morte repentina costuma afetar a percepção dos espíritos que desencarnaram de forma violenta, como nos desastres.

São as almas penadas que ficam presas ao ambiente onde viveram e, muitas vezes, sequer se dão conta de que seus corpos físicos estão mortos. Considerando o número de mortes últimamente causadas por diferentes catástrofes naturais, é de se supor que muitos espíritos errantes estejam vagando entre os vivos deste planeta. Nestas almas perdidas, desenvolvem-se sentimentos quase sempre muito negativos que vão da profunda tristeza à mais furiosa ira. SABEDORIA MILENAR: BAIXO ASTRAL É POLUIÇÃO ESPIRITUAL. Meditemos...

FONTE: SACHDEVA, Sam. 'More ghosts' after earthquake.
STUFF. Nova Zelândia – publicado em 08/11/2010
[http://www.stuff.co.nz/oddstuff/4318133/More-ghosts-after-earthquake]



Mistério ou Sinais: Morte em Massa de Animais


Mapa das ocorrências das mortes de animais. ..
E já precisa de atualização.


MUNDO – A miríade de razões apontadas para as mortes em massa de várias espécies de animais em todo o mundo é quase tão desconcertante quanto os próprios eventos, dando credibilidade à idéia de que algo muito estranho está acontecendo. A lista de incidentes aumenta a cada dia e atinge proporções assustadoras.


A lista de acontecimentos apocalípticos ocorridos entre o fim de 2010 e o início de 2011 é assustadora. Em Baton Rouge, Louisiana, 450 caíram do céu. Eram red-winged blackbirds (Agelaius phoeniceus, pássaro-preto-da-asa-vermelha, melro asa-vermelha ou, no Brasil, Tordo-sargento), cowbirds (Icteridae molothrus, o cuco comum, o Asa-de-telha), grackles (como Quiscalus quiscula, um tipo de corvo) e estorninhos (Sturnus vulgaris).
Além das causa das mortes, outro mistério que envolve o fenômeno é o "por quê" destes pássaros, de diferentes espécies, estarem voando juntos.

No Arkansas, 3 mil black-birds red-winged que também morreram estavam voando à noite, o quê não é característico destas aves. Pareciam estar em plena migração e, no entando, esses melros não fazem tal migração. Ainda no Arkansas, milhares de drum-fish (Sciaenops ocellatus, tambor-vermelho ou peixe vermelho) mortos foram parar em um trecho de cerca de vinte milhas de comprimento (cerca de 32 quilômetros) ao longo da beira do rio Arkansas. À prícipio, os "peritos" pensaram em envenenamento mas a teoria não foi confirmada.

Em Maryland, na baía de Chesapeake, foram dois milões de pequenos peixes mortos. O fenômeno foi atribuído a um súbito esfriamento da temperatura da água. Na Flórida, milhares de peixes tiveram o mesmo destino mas, neste caso, não havia a circunstância da alteração térmica nas águas amenas daqueles litoral.

Na Texas Highway, na estrada, em Bid Cypress Creek, dezenas de aves aquáticas de médio porte do gênero Fulica, conhecidas no Brasil como carqueja e galeirão, em Portugal, foram encontradas mortas.

Os sinistros não se limitam somente aos Estados Unidos da América. Aquele é um país de dimensões continentais. As catástrofes também, em países assim, são de dimensões continentais. A misteriosa "praga", contudo, manifesta indícios de ser algo maior, global.

Na Inglaterra, em Stockport – Manchester, centenas de peixes – mortos – em um lago. Ocorrências semelhantes verificaram-se no noroeste da Inglaterra. No condado de Kent, 40 mil caranguejos-diabo mortos a beira mar em Thanet. Motivos: ainda não esclarecidos.

Na Itália, 8 mil pombas despencaram do céu em Faenza. Razões especuladas por "especialistas", em geral, biólogos associados a meteorologistas etc..: mal estar das alturas (!... em pássaros?), envenenamento, indigistão causada por excesso de ingestão de alimentos em algum ponto antes do vôo (?!).

Nova Zelândia, centenas de peixes exterminados na praia de Coromandel. Na Suécia, foram as gralhas defuntas que choveram no ano Ano-Novo (entre 2010/2011).



Mortandade dos peixes: Paraná, Brasil.


BRASIL

No Brasil, no estado do Paraná, no final de 2010, ainda em dezembro, na quinta feira, dia 30, começaram a aparecer peixes mortos em Paranaguá, litoral do estado. Ao longo dos dias a mortandade espalhou-se por outras cidades como Antonina, Guaraqueçaba e Pontal do Paraná. Já são mais de 100 toneladas de peixes mortos de forma suspeita e, portanto, inaproveitáveis. A pesca nas águas, suspeitas, foi suspensa. Prejuízo para os pescadores.

O coordenador regional da Defesa Civil, capitão Edson Oliveira Ávila, menciona três hipóteses para explicar o desastre ambiental: uma causa natural; os peixes teriam sido descartados, jogados fora mesmo por algum barco de pesca por algum motivo desconhecido; algum vazamento de produto químico proveniente de fonte ainda desconhecida. Amostras de peixes e, supõe-se, da água, foram encaminhadas para análises no Centro de Estudos do Mar – CEM – da Universidade Federal do Paraná.



Tartatuga-alaúde, morta na praia em Gran Canária
em 06/01/2011. Photo: Adolfo Marrero.


ILHAS CANÁRIAS

E as espécies afetadas pela misteriosa "peste" são variadas. Na Gran Canária (uma das principais ilhas do Arquipélago das Canárias, politicamente, região autônoma da Espanha), foram quelônios – tartarugas. Os técnicos do Centro de Recuperação da Fauna Silvestre de Tafira, próximo à capital do arquipélago, Las Palmas – registraram cinco tartarugas grandes aparecidas mortas nas praias em um período de apenas cinco dias. Três da espécie Tartaruga comum e duas da chamada Tartaruga Alaúde (Dermochelys coriacea, a Leatherback sea turtle, em português, a tartaruga-de-couro), um quelônio marinho, um tipo gigante que pode chegar a uma tonelada de peso e três metros de largura.



Wisconsin, USA – GADO MORTO

Sexta-feira, 14 de Janeiro. Duzentas cabeças de gado morreram no pasto de uma fazenda leiteira, doentes, em Stockton, Portage County, estado de Winsconsin, USA. Eram vacas, mais especificamente. Suspeita-se que a causa da morte foi uma virose chamada Rinotraqueíte infecciosa bovina – IBR, que causa pneumonia e diarréia. Amostras de tecidos e secreções dos animais mortos foram enviadas para Madison onde serão submetidas a análise. O mais estranho é que o fazendeiro encontrou as vacas mortas todas de uma só vez.

VIETNAM – No fim semana, entre os dias 14 e 16 de janeiro (2011), sete mil búfalos e vacas morreram. Em apenas um dia, somente na província de Cao Bang, foram 700 mortes. Lá, a causa apontada é o extremo frio, incomum no país.



Envenenamentos, alterações térmicas nas águas oceânicas, e até indigestão já foram apontados como causa dessa inquietante mortantade de animais. Todavia, os orgãos sérios da imprensa têm muita cautela em falar, sobre a possibilidade da causa desses "prodígios" ser o movimento de inclinação do eixo terrestre por conta de uma alteração do pólo norte magnético do planeta.

O eixo se mexe, sempre se mexeu porém, uma aceleração desse movimento parece estar ocorrendo. Um fenômeno assim, seria significativo. Daria causa a notáveis alterações ecológicas. Como se a Natureza dos seres vivos não tivesse tempo de se adaptar a um súbito se acomodar da Terra. Como se peixes e pássaros estivessem pertubados e/ou desorientados. Curioso é que as multidões, as pessoas, de certa forma, também parecem estar desorientadas. Observemos e meditemos...




FONTES

200 dead cows in Wisconsin and 7000 dead buffalo in Vietnam - what is happening?
IN Examiner publicado em 17/01/2011.
[http://www.examiner.com/pop-culture-in-hartford/200-dead-cows-wisconsin-and-7000-dead-buffalo-vietnam-what-is-happening]
A.F.. Cinco quelonios aparecen muertos en sólo cinco días.
IN La Provincia – publicado em 11/01/2011
[http://www.laprovincia.es/gran-canaria/2011/01/11/cinco-quelonios-aparecen-muertos-cinco-dias/345682.html]
BANCROFT-HINCHEI, Timothy. The Apocalypse, mass kills and the magnetic pole shift.
IN Pravda English – publicado em 12/01/2011
[http://english.pravda.ru/science/mysteries/12-01-2011/116500-fish_bird_kills-0/]
COLETO, Leonardo. Mortandade misteriosa de peixes no litoral.
IN Paraná online – publicado em 04/01/2011.
[http://www.parana-online.com.br/editoria/cidades/news/502434/]
MANDELL, Nina. Wisconsin farmer shocked to discover 200 dead cows; officials think cattle had deadly virus.
[http://www.nydailynews.com/news/national/2011/01/16/2011-01-16_wisconsin_farmer_shocked_to_discover_200_dead_cows_officials_think_cattle_had_de.html]



domingo, 16 de janeiro de 2011

Assombração Incendiária

Zanaibe mostra uma das peças danificadas pelo fogo
fantasma que já queimou mais de 200 objetos na casa.

KOTA BARU, Malásia – Zanaibe Sulaiman, 73 anos (2011), mora em uma casa de madeira junto com a nora e dois netos. Esta pequena família tem padecido com incidentes sobrenaturais. 

O lugar parece assombrado ou palco de um fenômeno poltergeist. Nenhum especialista consegue exterminar o problema embora acreditem que a culpa é de espíritos malignos. A residência já sofreu cerca 200 episódios de incêndio.

Na quarta-feira, à noite, 05 de janeiro (2011), um grupo local de caça-fantasmas muçulmanos, que são chamados Darul Shifaq, esteve no local (Kampung Penambang Bunga Emas) entoando versos do Alcorão. 

Uma antiga coleção de espadas, denominadas Keris, e um conjunto de vasos de bronze foi aspergida com água benta. São objetos suspeitos em um caso como esse.

O líder do grupo Zakaria Ya - de despachantes de almas penadas - Darul Shifaq,  explicou que os espíritos podem estar alojados em outros objetos. Os muçulmanos acreditam que os djins (gênios maléficos) e espíritos, de gente que já morreu, raramente possuem pessoas ou instalam-se em seres humanos.

Já tivemos experiência com esse tipo de atividade paranormal antes. Os pertences antigos podem ser a causa dos incêndios especialmente se, no passado, seus possuidores, os antepassados de Zanaibe, praticaram magia negra

Felizmente, a assombração tem poupado a estrutura da casa, ainda. Todavia, o fogo misterioso já destruiu 200 peças de vestuário, tapetes de oração e dois colchões.

FONTE: AZHAR, Syed. Paranormal experts fail to get rid of 'ghosts' at grandma's house.
IN Asia One News – publicado em 08/01/2011
[http://news.asiaone.com/News/AsiaOne+News/Malaysia/Story/A1Story20110108-0].

O Zodíaco Galáctico-Sideral & A Constelação Ophiuchus



USA, Minnesota – Janeiro. O astrônomo Park Kunkle do Minnesota Planetarium Society, em entrevista aojornal Star Tribune, de Minneapolis, declarou que os signos do zodíaco, atualmente, são 13 e não mais, 12. Ele explica que oscilações na órbita da Terra alteram o alinhamento deste orbe em relação aos outros corpos celestes. O alinhamento observado na abóbada celeste de hoje não é igual ao alinhamento do passado, quando os signos do Zodíaco parecem ter sido, de acordo com os registros históricos, definidos nos 12 conhecidos.

Kunkle dá um exemplo das alterações: o Signo de Peixes ou sua energia morfo-ontológica (forma, características físicas, saúde e jeito de ser),nestes cinco mil anos, esta influência migrou para onde os astrólogos, até agora, supõe localizar-se o signo de Aquário. Peixes, nesta conjuntura, ocupa a posição de Aquário e assim por diante.

Um dos notáveis fatores que interferem no alinhamento dos astro zodiacais (e outros) são as oscilações na interação entre as forças gravitacionais da Terra com a Lua. Os astrônomos já sabem disso desde o ano 130 antes de Cristo.



Galáctico, Zodíaco Sideral & Zodíaco Tropical


Pelos cálculos de Kunkle e outros astrônomos, a essa altura, os astrônomos estão, não somente ignorando um mês a mais no mapa do zodíaco mas, negligenciando a existência e importância da constelação 13, chamada Ophiuchus, que significa O Portador das Serpentes ou, simplesmente, o Signo da Serpente que, se é não regente, é uma força muito influente para aqueles nascidos entre 30 de novembro e 17 de dezembro. De acordo com Kunkle, o Sol vem passando por Ophiuchus já há milhares de anos.


Os astrólogos se defendem: a Constalação de Ophiucus é bastante conhecida mas não é reconhecida como sendo um 13º sigo do Zodíaco. Os sábios caldeus mesopotâmicos conheciam esta constelação. O que acontece é uma confusão entre zodíaco tropical, zodíaco sideral e uma terceira perspectiva astro]ógica, as Astrologia do Zodíaco Galáctico.

Eric Francis da revista Planet Waves [http://planetwaves.net/pagetwo/] define o zodíaco sideral, ao qual estaria se referindo o astrônomo Kulkle, como um pano de fundo das estrelas, como estrelas coadjuvantes, cuja influência não é considerada determinante de fatos pela maioria dos astrólogos ocidentais. Na Índia, todavia, essas influências mais específicas, dos Indicadores Extra-Zodiacais, que podem ser diárias, semanais, ou quinzenais e mesmo mensais, são utilizadas nos análises dos astrólogos védicos.

No Ocidente, utiliza-se o chamado zodíaco tropical que se baseia apenas na movimentação e influência de 12 constelações assinaladas na relação entre aos raios do sol e os trópicos do planeta. Compreende-se que traçar um mapa astrológico segundo o Zodíaco Sideral deve ser, necessariamente, tarefa mais complexa que resulta, porém, em informações mais precisas. Isso porque o Zodíaco sideral dos hindus observa, também as posições de outras constelações consideradas energeticamente fortes no Sistema.




O Sinal da Serpente


IMAGEM: [http://gelageo.com/ophiuchus.aspx].
Nesta Tábua Zodiacal o Serpentário aparece somente no Zodíaco Galáctico


A lógica [astrológica] da existência e influência da constelação do Serpentário não é difícil de compreender. Doze são os signos, doze são as constelações correspondentes a cada um deles, cada um prevalecendo em cada um dos 12 meses do ano. Cada mês tem entre 30 e 31 dias.

O novo signo, O Serpentário, na verdade é conhecido há muito tempo e é mais apropriadamente chamado Indicador extra-zodiacal. Seu pricipal atributo é o poder da cura e o dom da vida capaz de ressucitar os mortos. É fácil deduzir que, possivelemente para cada signo, cada constelação do Zodíaco Tropical, existem outras constelações, situadas no mesmo quadrante da Constelações principais. Mas as constelações as extra-zodiacais atuam em simultâneo ao signo dominante predominante.

Assim como o Serpentário atua entre 30 de novembro e 17 de dezembro [note-se, período de 17 dias), sabe-se que outra constelação, chamada Cetus exerce seu poder entre 12 de maio e 6 de junho [um período bem maior que aquele de atuação do Serpentário]. Cetus é o nome de um monstro marinho da mitologia grega e também, nome de uma constelação, de um outro Indicador Extra-zodiacal. Deste termo, "cetus" deriva palavra cetáceo que designa mamíferos marinhos como as baleias. Cetus é, deste modo, o indicador extra-zodiacal de Baleia.



Porque Ciência Oculta Jamais se
Confunde com "Intuições Mágicas"


O Horóscopo ocidental vigente teve seus astros arcanos principais identificados há mais de 5 mil anos atrás. Porém, os astrólogos da Antiguidade eram, necessariamente, astrônomos também. Sua herança tem sido usada ao longo dos milênios por esotéricos que se acomodaram ao conhecimento recebido esquecendo que a dinâmica do Universo exige uma permanente revisão dos mapas astronômicos para que, depois, possa ser feita uma análise astrológica, ou seja, as previsões segundo a lógica do comportamento dos astros.

Apegados aos velhos mapas do Antigos, os astrólogos atuais, não são pesquisadores da ciências ocultas; porque conhecer os segredos dos movimentos dos Orbes era, realmente, na Antiguidade, um conhecimento para poucos, ciência para monopolizada elite de eruditos.

Os astrólogos modernos tornaram-se meros repetidores da ciência dos Mestres precursores; gerações de mestres que observaram planetas e estrelas com objetivos bem mais amplos que advinhar o futuro de alguém. Aliás, tais sacerdotes-cientistas não faziam advinhações intuitivas; antes, previam fatos futuros com base na observação e análise de fenômenos presentes e recorrentes.

Estes sacerdotes eram responsáveis pelo conhecimento antecipado de fenômenos climáticos dos quais dependiam a vida de seus povos, como os ciclos de cheias e vazantes das águas do rio Nilo, por exemplo. Os precursores dos meteorogistas foram aqueles chamados de sacerdotes e magos do passado remoto que desfrutavam da hospitalidade dos reis dos quais, freqüentemente, eram conselheiros e ministros.

Há muitos e muitos séculos os astrólogos deixaram de ser cientistas astrônomos e por isso não têm o conhecimento necessário (e atualizado) para instruir análises físicas, astrofísicas e metafísicas sobre a influência dos astros sobre a terra e seus habitantes. L. Cabus

FONTES:

BELL, Melissa. New Zodiac sign dates: Don't switch horoscopes yet.
IN Washington Post Blog – publicado em 13/01/2011
[http://voices.washingtonpost.com/blog-post/2011/01/new_zodiac_sign_dates_dont_swi.html]
BECO, Erickson. It's all in the stars: new zodiac dates released
IN Manila Bulletin Publishing Corporation, MB.com published in 14/01/2011
[http://www.mb.com.ph/articles/298420/its-all-stars-new-zodiac-dates-released]
NOVECK, Jocelyn e WILLIAM, Chris. Give me back my sign!
IN Star Trubune. Minnesota, USA – publicado em 14/01/2011.
[http://www.startribune.com/local/113610159.html?elr=KArksUUUoDEy3LGDiO7aiU]
Sign of the times: Astrology story soars like a comet.
IN Star Tribune – publicado em 14/01/2011
[http://www.startribune.com/lifestyle/style/113100139.html?elr=KArksLckD8EQDUoaEyqyP4O:DW3ckUiD3aPc:_Yyc:aUnciaec8O7EyUsl]




sábado, 15 de janeiro de 2011

Sobre este blog

Charles Fort, precursor do realismo fantástico
Carles Roy Fort, precurssor do realismo fantástico

EDITORIA – Gente, alguns leitores perguntam: de onde eu tirei esta ou aquela notícia. Repare: todas as notícias são traduzidas de jornais em língua inglesa, eventualmente, espanhola. Eu não invento nada. Às vezes, faço pequeno comentário. O nome do veículo de informação, título original da matéria, autor [quanto é assinada a matéria], a data de publicação e a URL, estão e estarão sempre indicados no fim de cada texto. [Coisa aliás, que os pseudo-jornalistas blogueiros da internet não costumam fazer, indicar a fonte!!! Caracas!!! Informar a fonte é obrigação e democratização do acesso à informação.]

Este blog é dedicado ao insólito, ao fantástico, ao incrível PUBLICADO e somente o publicado em jornais, seguindo a linha de pesquisa de Charles Fort, [1874-1932] o precursor do realismo Fantástico [autor do Livro dos Danados]. Portanto e ste blog faz jornalismo-pesquisa forteanos. É como um "lugar" onde eu e vocês, leitores, podemos colecionar fatos estranhos e/ou fantásticos registrados por órgãos de imprensa.

Se "o fato" é verdade, mentira ou meia verdade, isso, problema de orgão de imprensa publicador. Até porque tempo mostrará onde está verdade, onde está exagero, onde está mentira. Por outro lado, eventos como aparições de OVNIs, fantasmas, criaturas estranhas etc., são SEMPRE negados por ciência oficial. Os acadêmicos têm muito medo de ridículo. Vejam os pássaros caindo mortos, a mortandade em massa de peixes e até tartarugas aparecendo mortas nas praias, suicídio de golfinhos.

Os especialistas sempre encontram um jeito de dizer que isso é NORMAL. Agora, todos notamos evidente mudança do mapa climático do mundo e cientistas dizem: "Oh, é El Nino. Oh! É o El Nina..." ou então "É culpa da Civilização, é o efeito estufa"... Jamais será porque pólo norte magnético do planeta está mudando, porque o eixo da Terra está mudando sua inclinação e deve haver causa para isso, causa cósmica, tal como, por exemplo,aproximação de corpo celeste desconhecido desta Humanidade interferindo nas forças gravitacionais deste Sistema palnetário... Não! Não se deve dizer isso porque "devemos evitar o pânico na população"... Meditemos.... Ligia Cabus, editora

quinta-feira, 13 de janeiro de 2011

A Lua, 2012 & O Ano Em Que Faremos Contato



ALASKA/MUNDO – O SETI (Search fpr Estraterrestrial Intelligence), um projeto cnhecido, mantido por uma organização divulgou um comunicado espantoso. Três espaçonaves gigantes estão dirigindo-se em direção à Terra. A maior das naves tem cerca de 240 quilômetros de lagura. As outras duas são menores. Atualmente, os OVNIs estão além da órbita de Plutão.

Os três objetos foram detectados pelo sistema HAARP de busca, localizado no Alaska. O HAARP foi projetado para estudar o fenômeno da Aurora Boreal. Segundo os pesquisadores do SETI, os objetos são naves espaciais. Elas vão se tornar visíveis aos telescópios quando atingirem a órbita de Marte. O governo dos Estados Unidos já teria sido informado do acontecimento. Essas naves devem alcançar a Terra em dezembro de 2011.

A associação da data com o calendário e profecia Apocaliptica Maia é inevitável. Dia a profecia que esta Civilização vai entrar em colapso a partir de 21 de dezembro de 2012. A informação do SETI é duvidosa; afinal, o projeto que busca evidências de vida inteligente no espaço não obteve nenhuma descoberta em 50 anos.

Apesar desse resultado decepcionante, não se pode desconsiderar que a Humanidade, em termos históricos, só muito recentemente começou a exploração do Cosmo. Significa que é cedo demais para dizer que não existem outras Civilizações ou formas organizadas de vida racional em outros orbes do Universo.

É fato que a partir de meados do século XX relatos de aparições de naves e contatos entre humanos e alienígenas tornaram-se mais frequentes e ganharam registros mais consistentes, como fotografias e filmagens. Seria leviano considerar tantos registros, todos eles, como farsa.

Hoje existem departamentos, laboratórios, agências especiais nas instituições de defesa aérea de muitas nações destinados a estudar o fenômeno. É possível que serviços secretos de alguns países tenham tido, já, a oportunidade de obter e estudar fragmentos de espaçonaves e/ou mesmo, talvez, tenham também resgatado e examinado formas de vida não-humanas.

LINK RELACIONADO: Os Segredos da Lua

FONTE: Three giant spaceships to attack Earth in 2012?
IN Pravda English – publicado em 12/01/2011
[http://english.pravda.ru/science/mysteries/22-12-2010/116314-giant_spaceships-0/]


As Estranhas Paisagens Lunares


Esta é uma foto das mais famosas no contexto da polêmica sobre a presença de alienígenas e outros mistérios da Lua. Foi feita durante a missão da Apolo 12. Nesta foto, o astronauta Alan Bean. O fotógrafo é o companheiro Pete Conrad. O cenário é a superfície lunar. No reflexo do visor do capacete uma revelação fortuita: enquanto Pete Alan Bean é fotografado, atrás de Pete, aparece um estranho objeto voador não identificado. A imagem ficou registrada naquele reflexo.


Há rumores de que descobertas feitas na Lua são deliberadamente escondidas da esfera da informação pública. Em 1988, um funcionário do governo chinês, membro do programa espacial do país, divulgou fotos de pegadas humanas na superfície lunar. As fotos eram datadas de 03 de agosto de 1969, duas semanas depois que os astronautas Amstrong e Aldrin pisaram na Lua em 20 de julho daquele ano.




Em 15 de março de 2009, o mesmo oficial chinês, desta vez identificado como Kang Mao-Pao (caramba! isso foi esclarecedor!), em entrevista ao The New York Times revelou que tinha obtido mais de mil!!! fotografias da NASA nas quais apareciam não somente pegadas, mas um esqueleto humano e carcaças de animais na superfície da Lua. As fotos teriam sido obtidas por uma sonda lunar e as imagens eram bem definidas. Além disso, o Dr. Ken Johnson, ex-gerente de Dados e Controle de Fotografia do Departamento Labaratório Receptor Lunar, NASA, declarou que, em julho de 1969, os astronautas norte-americanos tinham encontrado e fotografado, na Lua, ruínas antigas e mecanismos desconhecidos de evidente origem artificial.




















As imagens intrigantes ganharam o mundo. Inúmeras cópias estão publicadas na internet. Os céticos duvidam da autenticidade do material e têm suas razões. Fotos desse tipo, da Lua, de Marte, parecem sempre muito ruins e suas formas, passíveis de diferentes interpretações. A mente vê o que quer.

Muitos pesquisadores, cientistas, acadêmicos ou amadores, que conferem alguma credibilidade às formações como sendo obra de uma ação inteligente, meditaram sobre o significado das ruínas lunares. Alguns, acham que estão todas abandonadas. No passado, teriam abrigado uma civilização ou, talvez, fosse e ainda seja uma estação de passagem para naves intergalácticas. Outros, acreditam que a Lua foi e/ou é um sítio de mineração para algum povo alienígena.


























ESQ.: A Torre e o Cubo, que alguns vêem como remanescentes de uma estrutura muito maior – EM CIMA: The Shard, os Cacos... porque observadores acham que a estrutura parece ser feita de fragmentos de vidro. DIR.: O castelo. As formações acima são apenas algumas das misteriosas ruínas lunares.
A Torre, mede cerca de 11 km de altura. The Shard, 2,4 km. O Castelo, que parece flutuar, alonga-se sete quilômetros acima da superfície lunar. Estas imagens foram feitas por sondas não tripuladas. Todavia, fotos obtidas pelos astronautas Armstrong e Aldrin, no final dos anos de de 1960, mostram formas mais definidas daquilo que seriam as ruínas de edificações.

FONTES

DOUGLAS, L.. A FACE OCULTA DE UM TERRÍVEL SEGREDO. IN Insônia Blogspot.[http://insonia2.blogspot.com/2010/12/face-oculta-de-um-terrivel-segredo.html]
HOAGLAND, Richard. Lunar Anomalies.
IN Biblioteca Pleyades, sem data
[http://www.bibliotecapleyades.net/luna/esp_luna_26.htm]






Arquivo do blog