terça-feira, 5 de junho de 2012

Horda de Aranhas Gigantes e Mortais Ataca na Índia


Ei-las. Dois espécimes das aranhas assassinas da Índia. A negra, é o macho; a rosada, fêmea. Elas chegaram em hordas em um estado do nordeste indiano. São saltadoras e atacam as pessoas. Os cientistas ainda não conseguiram identificá-las. Seu veneno é mortal. As autoridades decretaram estado de alerta. IMAGEM: Dibrugarh University/Times of Índia.


INDIA. Em 08 de maio, a aldeia de Chaulkhowa Nagaon, em Assam (estado do Nordeste da Índia) foi invadida por uma horda de aranhas que começou um intenso ataque às pessoas. Dezenas de vítimas foram parar no hospital. Algumas morreram em decorrência das mordidas que, no mínimo, causam núseas e uma dor excruciante. 

As autoridades do distrito de Tinsukia, região alvo dos aracnídeos, decretaram estado de alerta e pediram aos cidadãos que ficassem em casa à noite.

O plano oficial de contra-ataque é pulverizar o lugar com uma solução do inseticida DDT que, espera-se, deve matar as aranhas. 

Uma equipe de cientistas da Dibrugarh University e da Gauhati University chegou em Sadiya, pequena cidade do distrito (Tinsukya) para coletar amostras (de aranhas e do sangue das vítimas).

O chefe do Department of Life Sciences da Dibrugarh University (Depastamento de Ciências da Vida daquela universidade), Dr. L. R. Saikia informou que os cientistas ainda não conseguiram identificar a espécie das aranhas, que parece pertencer à família das tarântulas. Ele acrescentou que ...esta pode ser uma nova espécie. Elas são extremamente agressivas. Pulam nas pessoas ou em qualquer coisa que se aproxime.


MISTÉRIO - DE ONDE ELAS VIERAM

O pesquisador do departamento de zoologia do Cotton College, de Guwahati, examinou uma dessa aranhas e também acha que é cedo para classificar os animais como tarâtulas mas arriscou um palpite: Elas podem ser Black Wishbones (Aname atra) uma espécie típicada Austrália relacionada às chamada aranhas "funnel-web" (que fazem teias em forma de funil).

Estas especulações estão no cerne da questão que intriga os cientistas. Assam jamais foi um foco de aranhas, muito menos deste tipo. Se forem Wishbones ou outra espécie de aranha "funnel-web" é necessário explicar como tais espécimes foram parar em território indiano, tão longe de seu habitat natural. 

Essa aranhas apareceram de repente. O comportamento agressivo é sinal de que não estão acostumadas com a presença de seres humanos. Isso leva a crer que foram introduzidas neste ecossistema de forma acidental ou, pior, intencionalmente.


O CASO DAS ABELHAS ASSASSINAS NO BRASIL

Um entomologista que preferiu manter-se anônimo comentou: Geralmente, os animais e isso inclui os insetos, comportam-se de maneira diferente quando são introduzidos em um habitat estranho àquele a que estão acostumados. Muitos, tornam-se agressivos, especialmente se cruzaram com espécies locais.

Isso foi o que aconteceu, por exemplo, com as "abelhas assassinas", que apareceram no Brasil depois que 26 abelhas da Tanzânia (África) escaparam de um apiário brasileiro e cruzaram com abelhas locais. O cruzamento gerou uma espécie híbrida cujos ataques mataram mais de mil pessoas, somente no Brasil. Hoje, estas abelhas já chegaram ao centro dos Estados Unidos.

Essa mesma fonte acrescenta: Mas Sadiya (a cidade próxima à aldeia atacada) não é novata em terror. Este lugar era um notório santuário de sacrifícios humanos até meados do século XIX (anos 1800) quando os britânicos deram fim ao barbarismo.

O entomólogo lembra, ainda, as mortes ocorridas em 1897 e 1950, decorrentes de terremotos. Referiu-se também a tiroteios brutais que aconteceram ali, resultado de conflitos políticos.  

Recentemente, quatro insurgentes maoistas foram mortos a tiros aqui. As pessoas não vão entrar em pânico por causa de aranhas a menos que haja algo realmente assustador sobre esse caso. O governo deveria aprofundar a questão e descobrir como esses aracnídeos chegaram aqui. Em vez disso, estão fazendo asneiras.

Os médicos do Sadiya Civil Hospital disseram que ainda não há um diagnóstico definitivo para as mortes, ou seja, não sabem se o que matou as vítimas foi o veneno em si mesmo ou a reação alérgica, que provoca parada cardíaca.

FONTES 
Arachnophobia: ‘Mystery spiders’ invade Assam, kill two.
DAILY BHASKAR/India, publicado em 05/06/2012.
[http://daily.bhaskar.com/article/BZR-%E2%80%98mystery-spider-bite-kills-two-in-assam-3370867.html]
HEAVEN, Debora Mitchell. ‘Tarantulas’ invade Assam town, ‘kill’ two.
TIMES OF INDIA (TOI), publicado em 03/05/2012.
[http://timesofindia.indiatimes.com/home/environment/flora-fauna/Tarantulas-invade-Assam-town-kill-two/articleshow/13753398.cms]

Nenhum comentário:

Arquivo do blog