sexta-feira, 25 de maio de 2012

Cientistas Confirmam a Data da Morte de Jesus


Crucificação de Jesus, de Hieronymus Bosch.

CRISTIANISMO. No Evangelho de Mateus, capítulo 27, está escrito no momento em que Jesus pronunciou a notícia de sua propria morte iminente, dizendo, Tudo está consumado, um terremoto sacudiu a região, os túmulos foram revirados. 

Mesmo antes disso, a Terra foi envolta em trevas celestiais. Três dos evangelhos canônicos relatam que a escuridão durou do meio-dia até as 3 horas da manhã do dia seguinte ao martírio do Messias. Os pesquisadores estão atribuindo este fenômeno à ocorrência de uma tempestade de areia.

Para os cientistas, essa é uma pista sobre a verdadeira data, o verdadeiro dia deste acontecimento. O International Geology Review, investigando as atividade sísmicas do planeta na região ao redor do Mar Morto, há 13 km de Jerusalém, descobriu que, de fato, aconteceu um terremoto no local. Sua data foi determinada: uma sexta-feira, 03 de abril de 33 d.C..

Essa data foi obtida através da análise e confronto de registros geológicos e astronômicos. Cientistas do Geophisysical Institute, como o geólogo Jefferson Williams e outros, ainda, do German Research Center of Geosciences, estudaram amostras do solo da praia de Ein Gedi, junto ao Mar Morto.

Pesquisando as camadas mais profundas do solo, onde depositam-se os sedimentos mais antigos, os chamados "varves", é possível reconhecer os eventos ocorridos no passado. Descobriu-se, então, que um terremoto aconteceu em 31 a.C. e um outro foi detectado e datado entre 26 d.C. 33 d.C.

Jefferson Williams, em entrevista à Discovery, explicou que o último terremoto ocorreu durante a gestão do pretor romano Pôncio Pilatos - na Judéia, coincidindo com a informação do Evangelho de Mateus. A conclusão foi obtida reunindo os seguintes elementos:

Os quatro evangelhos sinóticos (não apócrifos) e os Anais de Tácitus - XV-44, um documento histórico, concordam que a crucificação aconteceu durante a gestão de Pôncio Pilatos, entre 26 e 16 d.C.

Três dos evangelhos (excessão para o evangelho de João), registram que a crucificação foi efetivada em uma sexta-feira e destacam que a morte do Cristo Jesus deu-se no fim da tarde, considerado um momento muito próximo do começo de um sábado judaico. Nos termos de três dos evangelistas esse dia foi 14 de Nisan.

Todas essas informações além de dados astronômicos comparados com o calendário judaico confirmaram o ano da crucificação: 33 d.C..

FONTE: WRENN, Eddie. Jesus 'died on Friday, April 3, 33AD' claims study that matches crucifixion to earthquake mentioned in gospel. DAILY MAIL, publicado em 25/05/2012.
[http://www.dailymail.co.uk/sciencetech/article-2149750/Jesus-died-Friday-April-3-33AD-claim-researchers-tie-earthquake-data-gospels-date.html]

Nenhum comentário:

Arquivo do blog