sábado, 31 de janeiro de 2009

Século XIX: O Terror da Medicina


O foto-jornalismo desenvolvia-se rapidamente em meados do século XIX [19]. Na foto de William Morton, a reconstituição da primeira aplicação de anestesia pré-cirúrgica, Massachusetts General Hospital, Boston - em 16 de outubro de 1846. Crédito da foto: Library of Congress.

A medicina tem realizado enormes avanços no último século, mas houve tempo, não muito distante, em que as coisas eram bem mais... cruas. Um manual de 300 anos, encontrado recentemente na prateleira de uma biblioteca empoeirada revela as terríveis técnicas praticadas no passado em nome da recuperação da saúde.

Escrito em 1712, o Treatise of The Operations of Surgery, descreve, por exemplo, os brutais procedimentos para uma amputação, em um tempo antes da anestesia ser inventada: "Corte rapidamente com uma faca curva e imediatamente cubra o toco com a pele remanescente" - recomenda o autor francês Joseph Charrierre.

Se uma ferida somente atingiu a carne deve-se banhá-la [a ferida] com brandy [conhaque] e cobrir o local com uma compressa embebida em vinho aquecido. Charrierre tinha certa razão nesse caso: em 2007, um estudo comprovou que vinho é letal para muitos germes que se instalam na boca e na garganta.

As melhores épocas do ano para as cirurgias seriam a Primavera e o Outono: "Na Primavera o sangue se revifica com a temperatura amena; no Outono, o sangue está calmo". No século XVIII, a cirurgia era o último recurso no esforço de eliminar uma doença porque eram comuns os insucessos, pois os locais dos cortes estavam sujeitos a contrair facilmente graves infecções seguidas de morte.

A situação começou a mudar em 1846 com a difusão do uso da anestesia e, em 1867, com a introdução dos anticépticos que controlam as infecções. [Curiosamente, até hoje, os cientistas não sabem , realmente, como funciona a anestesia. Quando a morfina apareceu em meados dos anos 1800 seus efeitos representaram um alívio quase milagroso para os doentes]. Naqueles dias, o Treatise era indispensável para qualquer cirurgião "atualizado".


FONTE: Book Tells Horror of 18th Century Surgery
In LiveScience - publicado em 28/01/2009




Um comentário:

Anônimo disse...

Interessante

Arquivo do blog