domingo, 31 de maio de 2015

Monstros do Mar - Cetáceos & Tubarões, Sobreviventes da Pré-História


MONSTROS DO MAR são seres fabulosos que alimentam o pavor nas trevas da mente humana. Em todas os litorais do mundo. Diante do mar, o homem tem uma visão esmagadora de uma grandeza infinita e desconhecida. O mar é  maravilhoso e ameaçador. Muitos têm medo do mar...

OS MONSTROS DO MAR são um tema muito antigo, pertencente à mitologia dos seres e fenômenos assombrosos que alimentam o pavor nas trevas da mente humana. Em todas os litorais do mundo, onde existe mar existe o fascínio, atração e respeito. O mar pode ser perigoso. Muitos têm medo do mar.


'NO QUINTO DIA. 
'Deus criou os monstros marinhos 
e toda a multidão de seres vivos que enchem as águas... 
 1:21

Os vastos oceanos foram e ainda são um grande mistério, não somente no imaginário popular mas, também, para as Ciências - que estão longe de conhecer todos os segredos do 'mundo água. 

Segredos não somente biológicos mas, bioquímicos, físicos, geológicos, geográficos, hidrográficos, ecológicos e até antropológicos - posto que é fato estabelecido que ao menos algumas civilizações ou cidades, centros de civilização - desapareceram da face da Terra e foram - e estão sendo - achado submersos, no fundo do mar.

Território imprevisível e por isso mesmo hostil, mesmo para os grande navios atuais, durante muito tempo a crença nos monstros do mar manteve a maior parte do 'Impérios humanos longe da vastidão das águas profundas.

Mesmo o período das Grandes Navegações da chamada Idade Moderna - começaram timidamente, limitadas por embarcações e c parcos conhecimentos, incapazes e insuficiente para uma aventura em mar aberto. As primeiras rotas luso-espanholas, por exemplo, seguiam a linha da orla marítima em direção ao sul. 




É famoso o fato de que Vasco da Gama ao dobrar o Cabo das Tormentas, no extremo sul da África, além de 'descobrir o caminho para as Índias - também desafiou o mito de que ninguém jamais passaria daquele ponto, por causa dos grandes perigos das correntezas e dos gigantescos monstros que rondavam o local.

A origem dessas crenças é muito simples. Os monstros do mar existem. São reais e mais monstruosos deveriam parecer aos marujos que sobreviveram ao confronto entre um antigo navio à vela e uma baleia Megalodonte

E gigantes dos mar pareceram sempre fabulosos- aos olhos daqueles que se depararam com uma destas criaturas - ainda que moribunda ou morta depois de encalhar em uma praia.

Tal como hoje, também no passado, muitos tubarões e baleias colossais encontraram seu fim arremessados por uma maré violenta, já feridos e agonizantes, nas areias de um litoral em maré vazante. 

Nesta reportagem apresentam-se 5 casos, mais ou menos recentes, ocorridos entre 2009 e 2014 - quando 'monstros do mar foram encontrados, em praias e manchetes do mundo.


A RARIDADE QUE ESTÁ SE TORNANDO COMUM


Embora bem conhecidos, os encalhes de tubarões e baleias gigantescos não eram um acontecimento banal. Tanto é assim, que os achados de Tubarões Boca-larga vinha sendo e ainda é cuidadosamente monitorado e catalogado.

O último caso, Filipinas  - 2015, recebeu o número 68. Em 30 de março de 2009, mais uma vez nas Filipinas (veja o caso abaixo) - o Megamout encontrado foi 40º registrado.

Se o número de não registrados for muito expressivo em relação aos registrados, a situação poderá ser considerada normal.

Porém, os registros são úteis como amostra que revela um fato estranho: o número de grandes bestas do mar, não somente tubarões e baleias, mais também enormes peixe-remo e serpentes incomuns também estão morrendo nas praias.

Ainda que esses animais, habitantes de águas profundas, eventualmente visitem a superfície dos mar aberto, isso não é comum em águas rasas. De fato, não há uma razão para estes gigantes se aventurarem voluntariamente tão próximos ao litoral.

Muitos dos 'encalhados apresentam lesões, muitas vezes fatais. Não raro, aparecem nesse estado terminal depois de violentas tempestades. O número expressivo e crescente de 'bestas do mar sendo 'cuspidas na Terra pode ser um indicativo de que Forças naturais convulsivas podem estar em atividade no leito dos Oceanos.

Terremotos submarinos, escape de material vulcânico incandescente e gases, mudanças de temperatura, direção e fluxo de correntezas marinhas, invasões de terras litorâneas pelo avanço das águas decorrente de mudança nos níveis do mar, eventos distantes dos olhos vigilantes, monitoramento e controle da Ciência moderna - e seus equipamentos.

Eventos geológicos, maremotos, variações ambientais, bioquímicas e físicas, enfim - alterações na dinâmica da vida submarina poderiam estar causando essa situação entre os grandes cetáceos, tubarões e criaturas outras, exóticas, de águas profundas.

Os animais estariam - então, enfrentando condições adversas à sua sobrevivência. Adversas o suficiente para expulsá-los subitamente de seu habitat natural, desorientando-os, afetando-os a ponto de conduzirem-nos à morte certa nas proximidades das águas rasas.

* OS CASOS QUE APARECEM NO VÍDEO *

CASO 1
FILIPINAS. 30 DE MARÇO DE 2009. MEGAMOUTH

Nas águas de Burias Island, foi mortalmente aprisionado na rede de um pescador da cidade de Dolson (Peovíncia de Sorgoson)
peso: quase meia tonelada (500 kg)
comprimento: 5 m

É o Nº 41 catalogado no mundo e o 8º, até aquela data, encontrado na costa filipina. Como o pequeno documentário mostra, depois disso, outros Megamouths mais têm sido vítimas - de águas rasas ou mesmo, em profundidades maiores, de redes de pesca.


FONTES
Fishermen Catch Rare Shark, Then Eat It
CBS NEWS, 07.04.2009
[http://www.cbsnews.com/news/fishermen-catch-rare-shark-then-eat-it/]
Megamouth Shark CAUGHT And EATEN 
HUFFNGTONPOST, 08/08/2009
[http://www.huffingtonpost.com/2009/04/07/megamouth-shark-caught-an_n_184402.html]

 


CASO 2
PAQUISTÃO. KARACHI. 07 de Feveriro de 2012

comprimento: 12,5 m
peso: 35,8 toneladas
[https://www.youtube.com/watch?v=huNfyWy1jDc]



CASO 3
JAPÃO 2014. Cidade de Shizuoca
comprimento: 4 m
peso: 700 kg
O Nº 58 catalogado no Mundo 

FONTES 
Deep-sea 'alien' identified as a rare Megamouth shark is reefed from a Japanese ocean and cut open in front of a crowd of 1,500 spectators
DAILY MAIL, 08.05.2014
[http://www.dailymail.co.uk/video/news/video-1094131/Rare-Megamouth-shark-caught-dissected-Japan.html]
LEE, Jane J. Rare Megamouth Shark Caught Off Japan’s Coast
NATIONAL GEOGRAPHIC, 09.05.2014
[http://voices.nationalgeographic.com/2014/05/09/rare-megamouth-shark-caught-off-japans-coast/]
YOUTUBE: Rare megamouth shark captured off Japan 
medi ofice CH Published on may 7, 2014
[Rare megamouth shark captured off Japan]
 


CASO 4
FILIPINAS, 2014. 

Praia de SABANG WEST/povoado. 
Cidade de BUGASONG, Provincia de Antique



Caso pouco divulgado. Veio a público graças ao YouTube, Facebook e um website discreto, acadêmico,  dedicado à Ictiologia (vida marinha, especialmente peixes e cetáceos). 

No website ICHTHYOLOGY/Sharks (2014) o espécime foi catalogado sob o nº 62* entre os Megmouth capturados/resgatados mortos ou moribundos nas praias ou encontrados, aprisionados em redes. 

 * FLMNH Ichthyology Department: Megamouth, Florida Museum of Natural History. 
Distribution Table of Confirmed Megamouth Shark Sightings
(Lista dos avistamentos confirmados de Megamouths)

Este parece ser o caso do animal da Praia de Sabang West - imobilizado pelas redes, refém do atoleiro nas areias em águas rasas.

Nessa ocorrência, verificada em local remoto, observa-se que não há maiores cerimônias no trato com o tubarão. Não apareceram agências de notícias, grandes ou pequenas, locais ou nacionais. 

Não há biólogos nem estrutura laboratorial no local durante todo o processo de resgate, que demorou um tempo considerável, como é possível perceber no vídeo, de longa - que neste blog, foi editado (eliminando repetições da agitação do povo). 

O pescador que descobriu a gigante em sua red, auxiliado por uns poucos  voluntários ajudantes, cercados por dezenas de populares curiosos, enfrentaram grande dificuldade para laçar de forma conveniente a criatura e depois, arrastá-la terra acima, para longe da orla, com um veículo improvisado.

Uma primeira tentativa, de laçar o 'bicho pela cauda logo mostrou-se inconveniente. O peso do animal certamente resultaria na perda do rabo, O jeito foi ajustar a corda azul, aparentemente feita de material sintético,  loga abaixo da cabeça.

VÍDEO IRONIZADO por pessoas que puseram em dúvida a existência de uma localidade ou vila de Sabang e por consequência, depreciaram a veracidade do material, essas pessoas enganaram-se. No universo de desinformação do YouTube, este é um vídeo credível. 

A vila e praia de Sabang não somente existe como está no mapa, situada nos arredores da cidade de Bugasong - na província (ou unidade administrativa de antique - nas Filipinas, exatamente como foi mencionado na informação abaixo dos vídeos: o original, publicado na página oficial da cidade de Bugasong juntamente com várias fotos - no Facebook (na rede desde 2012) - no dia 13 de março de 2014.

A página e o álbum de fotografias dedicado ao evento, considerado um momento memorável, mostra fotografias do resgate do Megamouth e do banquete desfrutado pela população com o preparo do bicho segundo as tradições culinárias filipinas. 


FONTES 
BUTTIEG, Alex. Megamouth Shark #62: Washed Ashore Sabang West, Bugasong, Antique, Philippines
FLMNH Ichthyology Department: Megamouth, Florida Museum of Natural History. 14/03/2014
[http://www.flmnh.ufl.edu/fish/sharks/megamouth/Mega56.htm]
Distribution Table of Confirmed Megamouth Shark Sightings
(Lista dos avistamentos confirmados de Megamouths)
[http://www.flmnh.ufl.edu/fish/sharks/megamouth/tablemega.htm]
Megamouth Shark at Sabang West (14Mar14)
BUGASONG ONLINE/Facebook
[https://www.facebook.com/media/set/?set=a.614440575315070.1073741928.276634775762320&type=1]



(CASO 5) MONSTROS DO MAR. A BALEIA DO VIETNAM
outubro de 2013

matéria & video reportagem
Cidade de Vin Chau - Província de Soc Trang

[http://sofadasala-noticias.blogspot.com.br/2015/05/o-caso-do-monstro-do-vietnam-o-culto-ao.html] 


+ FILIPINAS
BOCÃO, O TUBARÃO MONSTRO DAS PROFUNDEZAS DO MAR, 2015


[http://sofadasala-noticias.blogspot.com.br/2015/05/megamouth.html]

Nenhum comentário:

Arquivo do blog