quinta-feira, 31 de março de 2011

Poltergeist de Conventry: Caso Encerrado



UK – Paranormal: O Caso de Conventry. No dia 29 (março, 2011) o Daily Mail publicou o caso de uma pequena família de Conventry/UK que pedia socorro por contadas pertubarções, fenômenos inexplicáveis e destrutivos que vinham assombrando a casa para qual haviam se mudado, há seis meses.

Mrs. Lisa Manning, relatou ao jornal que tendo colocado câmeras escondidas em toda a casa, conseguiu flagrar a atuação do misterioso agente (veja na reportagem anterior, neste blog). A resposta veio rápido.

Já em 30 de março, dia seguinte à divulgação do apelo, o mesmo Daily Mail publicava outra matéria contando que um famoso ghost-buster, caçador de fantasmas que chegou a ser apresentador de um programa de TV sobre o tema, o Most Haunted, um especialista portanto, Mr. Derek Akorah, 61 anos (em 2011), colocou-se à disposição e foi até Conventry desvendar o caso e eliminar o problema.

Lisa Manning, 34 anos e seus filhos Ellie, 11 e Jaydon, seis anos (foto acima), chegaram a abandonar a residência, no Bairro de Holbrooks, por causa do terror inflingido pelos bizarros eventos que tomaram conta do lugar.

Panelas e outros utensílios eram arremessados das prateliras nas paredes da cozinha, protetores de janelas subiam e desciam sozinhos, luzes acendiam e desligavam sem que ninguém as acionace.

Certa ocasião,a força oculta trancou a família em um aposento. Foram obrigados a sair pela janela, rapidamente, antes que também esta fosse trancada.

Mrs. Manning ,manteve-se cética o quanto pôde mas mudou de idéia quando seu cão de estimação apareceu morto misteriosamente, em outubro de 2010. O animal foi encontrado aos pés da escada, como se tivesse sido empurrado; e não havia ninguém em casa.




Consultaram um padre. Este, aconselhou usarem crucifixos, especialmente depois que a câmera flagrou a ação do intruso invisível. Foi quando Mr. Acorah (foto acima), o caça-fantasmas entrou em campo. Explicou ao periódico The Sun que o poltergeist, freqüentemente, estabelece ligação como campo de energia de uma criança.

Depois de se inteirar dos detalhes do caso, Acorah sugeriu que um espírito irado foi atraído pela menina porque no quarto dela os ataques eram mais freqüentes. Então, naquele quarto, o especialista acendeu três velas e colocou-as no chão. Também usou um conjunto de cristais, que foram dispostos no peitoril da janela.

Fechou os olhos, concentrou-se e, enfim, descreveu o fantasma responsável pelos transtornos: Chama-se Jim. É um homem que está muito, muito irritado. Morreu por volta de 1900 mas nunca passou para o mundo espiritual.

Acorah explicou que o lugar estava limpo. Disse que conseguiu fechar a porta que o espírito utilizava para agir no mundo dos vivos.

Mrs. Manning está confiante. Diz que a casa, agora, é um lugar completamente diferente. Até retirou o pedido de transferência que havia feito à imobiliária Whitefriars. Ela conta: Ele sabia muito sobre o quê vinha acontecendo. Sabia até sobre a morte do cão. Disse que sentiu a presença do homem que esteve aqui e que ele havia ferido o cão. Ele sabia que eu dizia a verdade e foi bom ouvir isso dele.


FONTE: TV ghostbuster Derek Acorah banishes poltergeist 'terrorising' family home (his name was Jim and he died in 1900). IN Daily Mail/UK, publicado em 30/03/2011 [http://www.dailymail.co.uk/news/article-1371477/TV-ghostbuster-Derek-Acorah-banishes-poltergeist-terrorising-family-home.html]




Nenhum comentário:

Arquivo do blog