domingo, 4 de agosto de 2013

Mãe... Aos Cinco anos de Idade



Lina Medina, mãe aos cinco anos. Mistério jamais esclarecido. Abuso? Um caso mais que anômalo de Fetus in fetus? Abdução por extraterrestres? Como uma garotinha de cinco anos poderia ser fértil?

PERU. LINA MEDINA, uma peruana nascida em 1933, é a mãe mais jovem conhecida da História. Moradora da aldeia Antacancha, zona rural, localidade cuja cidade mais próxima era Pisco, ela deu à luz aos 5 anos, 7 meses e 21 dias de idade.

Tibúrcio Medida, na ocasião, pai de outras 8 crianças, notou a barriga saliente da menina e decidiu levá-la aos Xamãs da aldeia, acreditando que ela estava possuída por algum demônio, serpente ou espírito. 

Mas os Xamãs disseram que aquele volume abdominal era - certamente - um tumor, e que a Lina deveria ser levada, sem demora, aos médicos de Pisco.

Em Pisco, o médico, Dr. Gerardo Lozada, ao examinar a paciente recomendou recomendou que buscasse auxílio na capital do país, Lima, porque aquele era um caso para especialistas. 

Em Lima, finalmente, a verdade foi revelada: a garotinha estava grávida. Tinha concebido aos 4 anos e oito meses e, assim, o médico deduziu que teria começado a menstruar aos dois anos e oito meses de idade.

O Sr. Tibúrcio, considerado suspeito, foi preso mas, depois de algumas investigações, a hipótese foi descartada e o homem libertado.

Outros rumores especulavam que o responsável poderia ser um dos irmãos, um que sofria de problemas mentais e poderia ter abusado da criança. Porém, essa hipótese jamais foi comprovada.

Muitas pessoas, ainda hoje, acreditam que Lina concebeu virgem, por graça do Espírito Santo. Outros, moradores da vila natal de Lina, Antacancha, pensavam que o pai era o Deus Sol e, ao final, nunca se soube a origem da estranha gestação.

O filho de Lina, um menino, nasceu através de cesariana em 14 de maio de 1939 e foi chamado Gerardo Medina. Pesava 2 quilos e 700 gramas. Foi criado como sendo o décimo filho seus avós. 

Aos dez anos ficou sabendo a verdade. Morreu aos 40 anos de uma doença rara que, alguns médicos atribuíram estar relacionada com as circunstâncias de seu nascimento. 

Lina Medina casou-se, aos 33 anos e teve outro filho. Durante algum tempo, viveu com o marido no México e atualmente, com  80 anos (2013) vive em na aldeia Chicago Chico, próxima de Lima.

AGRADEÇO AQUI À LEITORA "DOCINHO" QUE CORRIGIU DADOS NESTA REPORTAGEM  EM 07/08/2013

FONTE: Lina Medina, el extraño caso de la niña que fue madre a los cinco años.
OPINION/BOLIVIA, 04/08/2013
[http://www.opinion.com.bo/opinion/articulos/2013/0804/noticias.php?id=102283]

3 comentários:

Docinho disse...

Ela nasceu em 1933 e hj (2013) tem 50 anos? oO'

Lygia Cabus disse...

Docinho,
vc é mesmo um Docinho. Muito obrigada pelo toque. Sabe eu tenho um problema com números, penso um escrevo ou falo outro, ou troco a ordem dos dígitos. Sua correção foi muito importante para mim porque, sendo do signo de Virgem, esse tipo de erro me chateia. Valeu Docinho, e sempre que encontrar essas minhas falhas, por favor, chame minha atenção. Agora a informação está correta.
Acho que eu vou acabar te enviando um KIT PRESENTE SOFA DA SALA para agradecer sua atenção.

Docinho disse...

"Herrar é umano". Eu fiz uma confusão, achei que não era mais dela que se falava e sim do filho =x Tive que perguntar se era ela mesma :D Essa história é muito bizarra...
Sempre acompanho o Sofá da sala :)

Arquivo do blog