quarta-feira, 29 de abril de 2009

Tailândia: Monges Gays, Já Para o Armário!



Tailândia: a Novice Demonstration School, centro de formação/educação religiosa de um mosteiro da província de Chiang Rai ─ Tailândia, vai começar a ministrar um Curso de Boas Maneiras voltado para o objetivo de conter e/ou disciplinar o comportamento escandaloso de monges transsexuais ─ gays mesmo. É costume, parte da cultura tradiconal do país, onde 90% da população são budistas, que todos os homens, ao menos uma vez na vida, façam retiro ─ vivendo como monges, em um mosteiro.

O veterano, monge Phra Maha Wudhijaya Vajiramedhi admitiu para a BBC que o curso está relacionado ao comportamento efeminado entre os noviços, como usar maquiagem e túnicas apertadas e/ou curtas, reveladoras! Esse comportamento deplorável dos jovens monges não é coisa nova na Tailândia. Além disso, os monges tem sido muito criticados por cometerem abusos notáveis, como exaltar sua posição na sociedade pela ostentação de frotas de carros de luxo; venderem amuletos falsos [reedição da "venda de relíquias?!] e, naturalmente, violarem os votos de celibato.

O curso vai abordar questões como o fumo, o consumo de álcool, as vestes apropriadas e até mesmo o andar dos noviços ─ ou seja, esses noviços estão dando pinta [é constrangedor]. As memórias dos monges serão refrescadas pelo estudo detalhado dos 75 princípios budistas do Dharma e os [somente] 227 preceitos para monges [é complicado]. Completamente "sem noção" a geração contemporânea de monges bota sombra, cajal nos olhos e sai por ai [por lá] girando bolsinhas cor de rosa! [?] [Non, não é exagero do tradutor: é informação do veterano monge Phra Maha Wudhijaya Vajiramedhi, coitado...]

A Tailândia possui uma grande e visível [ô!] população de homossexuais. Vajiramedhi diz que é muito difícil tomar uma medida extrema, como excluir os homosseuxais, impedí-los de fazer o retiro no mosteiro [são jovens bichas muito religiosas e numerosas]. O mestre, porém, tem esperança de que o curso possa, ao menos persuadir o gays a moderar seus hábitos extrovertidos. Se esta iniciativa obtiver sucesso ela será extendida a outros monastérios budistas e seminários.

Fonte: 'Etiquette guide" for Thai monks
IN BBC News ─ publicado em 27/04/2009


EM MYANMAR... Em 2005 este editor traduziu outra história de jovem do extremo oriente que anseia pela vida monacal. O caso, porém, era bem diferente. Foi publicado originalmente no Australia News. Hoje é encontrado na internet em inúmeras reproduções [em inglês]. A tradução apareceu na Revista Sobrenatural e está lá até hoje; mas foi aqui reproduzida para comodidade do leitor.




Mulher vira homem em Myanmar

Thin Sandar [foto acima] era uma jovem comerciante de galinhas em Hlaing Thar Yar, em Myanmar. Ela sempre desejou ser um homem mas não havia nenhuma possibilidade disso acontecer. Em suas preces, costumava pedir para voltar à Terra como homem em sua próxima encarnação. Entretanto, durante a última lua cheia de junho [2005], na manhã em que completava 21 anos, ao acordar, a moça percebeu que algo estranho tinha acontecido. Seu sexo tinha mudado. Inexplicavelmente, um pênis se desenvolveu ao passo que os seios sumiram.

Ela, agora ele, correu a contar aos pais sobre o fenômeno. Submetida a exames médicos, a mutação foi confirmada: o pênis se desenvolveu como um prolongamento do clitóris. Diante disso, Thin Sandar mudou de nome: adotou a identidade masculina, tão sonhada, e agora chama-se Than Sei, mais adequado para um rapaz.

Enquanto a população local, extremamente supersticiosa, atribui a mudança a forças espirituais os médicos têm procurado, sem sucesso, uma explicação científica para o fato. Alguns chegaram a supor que fosse um caso de hermafroditismo porém Thin-Than nunca apresentou nenhum sinal desta anomalia. Em seu registro de nascimento está bem claro que veio ao mundo como mulher.

O pai de Thin-Than, Kyaw Htay, de 46 anos, ficou muito feliz com a mudança: "Eu sempre quis ter filhos homens, ao menos um que pudesse ser consagrado como monge mas Deus quis que eu só tivesse duas filhas. Agora, meu filho homem é uma realidade".

O caso está provocando enorme interesse público e o/a jovem mutante tornou-se uma celebridade do dia para a noite. Sua casa passou a ser alvo de peregrinações. Para garantir o conforto e segurança de Thin-Than, as autoridades instalaram a nova estrela dos mídia em um templo, onde pode receber as levas de curiosos que não param de chegar, ansiosos para ver "a moça que virou homem" com os próprios olhos.

Como homem, Thin Sandar pretende se dedidcar à contemplação da vida monástica até compreender o que aconteceu e definir um rumo para sua vida. Myanmar ou Myanma, antiga Birmânia, é um país de 600 mil km², situado a leste da Índia e do Nepal, às margens do golfo de Bengala, no oceano Índico. Sua população, cerca de 49 milhões de habitantes (em 2004), constitui-se em 80% de budistas e minorias hinduístas, islâmicas e cristãs que convivem com crenças tradicionais.

Fonte: Woman 'suddenly grows penis'
IN Austrália News
[fora da rede]
atualmente em Revista Sobrenatural publicado em 24/07/2005



Nenhum comentário:

Arquivo do blog