sexta-feira, 13 de março de 2009

Sexta Feira 13



Se a sexta-feira ─ dia 13 de qualquer mês é considerada pela crença popular, em muitos lugares do mundo, como um dia nefasto, 2009 pode ser considerado particularmente mal afortunado, posto que são três as sextas-feiras ─ 13 deste ano. Uma freqüência como essa não acontece a 11 anos. Uma já foi, em fevereiro; a próxima é hoje! [em março]. E a última é em novembro. Só não está pior porque nenhuma é em agosto!

A origem da fama de azarada da sexta-feira que cai em um dia 13 é um tanto obscura mas tradicionalmente o mau agouro é associado aos "treze à mesa" na última ceia de Jesus, realizada na noite de quinta para sexta, vésperas da Páscoa judaica, quando Judas se retirou para perpetrar a traição que resultaria na Paixão e crucificação do meigo rabi. Assim, com a expansão global do Cristianismo, a sexta-feira e o número 13 tiveram sua reputação de dia e número "ruins" consolidada.

O medo da sexta-feira ─ 13, já virou até problema psiquiátrico: é uma fobia, medo irracional denominado paraskavedekatriaphobia [parascavedecatriafobia do grego παρασκαυεδεκατριαφοβία = Παρασκαυε, "sexta-feira"+Δεκατρείς, "treze"+φοβια, "medo") do grego παρασκαυεδεκατριαφοβία = Παρασκαυε, "sexta-feira"+ Δεκατρείς, "treze" + φοβια, "medo") ] ou friggatriskaidekaphobia [frigatriscaidecafobia]. Já o temor ao número 13 é, especificamente, uma Triskaidekaphobia [Triscaidecafobia ─ tris=três, kai=e, deka=dez]. Muitos hospitais, hotéis e prédios residenciais e/ou comerciais não têm quarto 13 ou apartametot, sala 13 nem 13º andar; e alguns terminais de transporte aéreo nã têm o gate 13...

Muitas personalidades sofreram de Triscaidecafobia: o presidente norte-americano Franklin Delano Roosevelt não viajava em dia 13 de mês algum e nunca recebia 13 convidados à mesa. Napoleão Bonaparte também fugia do 13 e Mark Twain [escritor norte -americano], depois de ter comparecido a um jantar como 13º convidado comentou: "Só tinham comida para 12". Em alguns restaurantes parisienses, para evitar qualquer infelicidade, existem os 14ºs convidados profissionais, contratados, para compor "o astral" do jantar.

Finalmente, o número 13 parece não combinar com nada de bom. No Taro é a carta da morte representando fim de ciclo. O doze, no entanto, embora no oráculo das cartas signifique uma situação de sacrifício idealista nobre mas, freqüentemente uma situação difícil e penosa ─ o doze, relaciona-se com símbolos elevados: 12 são os meses do ano, os signos do zodíaco, os deuses do Olimpo [francamente, contestável]; 12 são os trabalhos de Hércules, as tribos de israel e os apóstolos de Jesus.


FONTE: 5 Facts About Friday the 13th
In Yahoo News/LiveScience ─ publicado em 12/03/2009





Nenhum comentário:

Arquivo do blog