quarta-feira, 8 de maio de 2013

Arqueólogos Encontram "Parada" de Maconha Mais Antiga do Mundo



Uma berlota (cacho) do lote de maconha encontrada (o) na tumba do Xamã.

CHINA. A "parada" (certa quantidade geralmente acima de 50 gramas) de maconha, mais antiga do mundo - "berlotas" ou cachos que somam 789 gramas - foi encontrada em uma tumba em Turpan, a Noroeste da China enterrada ao lado de um Xamã. 

Os especialistas do Journal of Experimental Botany garantem que o lote tem mais de 2 mil e 700 anos e sua boa condição de conservação deve-se ao solo alcalino e seco do local.



A tumba do Xamã chinês onde foi encontrado o lote de marijuana.

Especula-se que o "chá", a "erva" tenha sido colocada na tumba para ser utilizada na vida futura, no  além túmulo. O neurologista Ethan B. Russo explicou:  

Era uma prática comum nos sepultamentos, (em todo o mundo Antigo) depositar (nas sepulturas) objetos e provisões (de todo tipo) que - (supostamente) - serão necessários ao desencarnado em um outro mundo (ou outra dimensão da vida).

Resta aos zelosos pesquisadores fazer todos os testes de laboratório necessários para cdescobrir se a marijuana, depois de tanto tempo guardada, ainda conserva seusprincípios ativos. 

Não será demais imaginar que um cientista zeloso arrisque, mesmo, experimentar pessoalmente o material, queimando um cigarro da ganja ancestral para confirmar seu potencial narcótico. Afinal, em 789 gramas, quem vai notar a falta de um fininho? Meditemos...

FONTE: En China, encuentran un cogollo con 27 siglos de antigüedad.
M1NUTO-UNO, publicado em 25/04/2013.
[http://www.minutouno.com/notas/285428-en-china-encuentran-un-cogollo-27-siglos-antigedad-]

Nenhum comentário:

Arquivo do blog