domingo, 10 de março de 2013

Os Ratos Mutantes Gigantes do Irã



IRÃ. Em Teerã, uma horrenda praga está apavorando os cidadãos. Ratos gigantes invadiram a cidade e já se espalharam por mais de 26 distritos (bairros) da capital iraniana.

Nesta época do ano, nos picos de Alborz, uma vasta cadeia de montanhas que se estende desde a Armênia ao Mar Cáspio, aos pés das quais localiza-se a metrópole, o degelo dos cumes nevados produz correntes de água que engrossam o cursos dos rios, inundando as tocas de roedores, forçando-os a abandonar os abrigos. 

Porém, os ratos desentocados este ano são anormais. Aqueles, de maior porte, que normalmente pesavam pouco mais de meio quilo agora alcançam 5 quilos e são maiores que os gatos, que agora fogem de suas antigas presas. 

Especialistas falam em uma mutação inexplicável que teria alterado a genética desses animais em um espaço de tempo recorde. Em condições naturais, uma alteração desse tipo levaria milhões de anos para se consolidar. 

 O Conselheiro de Meio Ambiente da cidade de Teerã e pesquisador/professor universitário, Ismail Kahran, acredita que essa mutação genética pode ter sido causada pela exposição dos animais a algum tipo de radiação ou agente químico. 

 Além do tamanho, gigantes, a quantidade desses mutantes tem se mostrado 40 vezes maior do o que normalmente seria esperado. O problema transcende a esfera da saúde e já se tornou questão de segurança pública mobilizando pelotões de atiradores de elite - equipados com dispositivos óticos de visão de raios infravermelhos e toneladas de veneno (raticidas) na tentativa de combater a praga. 

Até o momento (10/03/2012), os mutantes estão ganhando a guerra. Apesar de mais de dois mil desses roedores já terem sido abatidos a a tiros os super-ratos parecem multiplicar-se rapidamente. 

Esses ratos não são apenas gigantescos mas, também, resistentes aos venenos tradicionais que deveriam matá-los, como a estricnina, por exemplo. Comentários de que  a aberração é fruto de ação humana já começaram a circular e especula-se que os "criadores" desses monstros podem ser agentes de países adversários da política iraniana. 

Por outro lado, a praga pode evidência de que no Irã, programas de produção de energia atômica clandestinos não controlados poderiam ter produzidos vazamentos de radiação que teriam afetado os roedores.

ÁFRICA DO SUL


Todavia, o fenômeno não é inédito no mundo. Em meados de 2011, na África do Sul, ratos gigantes, como os de Teerã, maiores que gatos, chegaram a fazer duas vítimas fatais, ambas, crianças além de atacar e ferir um idoso de 77 anos, na Cidade do Cabo (Cape Town), segunda cidade mais povoada e capital Legislativa do país (imagem acima). 

LINK RELACIONADO

Gorgakh - O Monstro Mutante Papa-Defuntos do Paquistão
http://sofadasala-noticias.blogspot.com.br/2012/09/gorgakh-o-monstro-mutante-papa-defuntos.html

FONTES
La misteriosa plaga de las ratas gigantes.
ARROIO DIARIO/Argentina, publicado em 09/03/2013.
[http://arroyodiario.com.ar/noticias/ocio/ovnis-y-misterios/19090-la-misteriosa-plaga-de-las-ratas-gigantes.html]
Irán combatirá plaga de ratas "mutantes" con francotiradores.
PUBLIMETRO/Chile, publicado em 08/03/2013.
Ratas gigantes habrían matado a dos niños en Sudáfrica.
[http://www.publimetro.cl/nota/vida/iran-combatira-plaga-de-ratas-mutantes-con-francotiradores/xIQmch!1GEJKRfEZmPw/]
Ratas gigantes habrían matado a dos niños en Sudáfrica.PUBLIMETRO/Chile, publicado em 07/06/2011.


Um comentário:

Dama Gótica disse...

Nossa eles são tão grande que podem ser usado para fazer a segurança de uma casa kkkkk

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...