terça-feira, 16 de outubro de 2012

Jodphur - O Enigma da Cidade Azul



[+] FOTOS NO SITE DIARIO VELOZ.

INDIA. Jodhpur é a Cidade Azul da Índia. Fundada em 1549, localizada no estado do Rajastão, noroeste do país - ali cada pequeno prédio, casa ou mansão estão pintados de azul. Assim, Jodhpur é uma mancha azul no deserto de Thar. 

Ninguém sabe ao certo o porquê desse padrão que torna a cidade uma visão panorâmica tão incomum. São muitas as lendas e nenhuma certeza.

Alguns dizem que tudo começou quando os brâmanes locais resolveram que todas as casas dessa casta sacerdotal seriam azuis, para diferenciá-las das outras. Porém, em pouco tempo, os demais habitantes dacidade começaram a fazer o mesmo. 

É um fenômeno sociológico comum: que os signos de poder que uma classe social elevada usa para se distinguir sejam copiados pelas classes inferiores, seja a roupa, os adornos ou a cor da casa.

Outros cidadãos explicam a uniformidade de outra forma: dizem que as casa são pintadas de azul afastar os mosquitos e refrescar o interior das habitações, uma providências em qualquer fundamento. Existe ainda uma versão segundo a qual o povo pintou todas as casas de azul para criar um contraste entre a cidade e o deserto.

Porém, a tradição mais antiga diz que as casas acabaram azuis porque, sendo a maioria da população devota do Senhor Vishnu, O Preservador (Vishnuítas ou Vaichnavas), uma das três pessoas da Trindade hindu (a Trimûrti) - cada vez que o membro de uma família voltava de uma viagem, uma peregrinação, era costume homenagear o deus pintando a moradia de azul, porque Vishnu tem a pele azul.



Seja qual for a razão, comenta-se que o azul predominante produz um efeito calmante nas pessoas e nos animais que convem em Jodhpur em extraordinária harmonia mútua.



A MALDIÇÃO DE MEHRAN BABA



Porém, existe uma construção na cidade que não é azul: é a cidadela ou fortaleza de Mehrangarh que domina a paisagem, construída no alto de uma colina rochosa chamada Bhaurcheeria ou "Montanha das Aves" (imagem acima). O poeta Rudyard Kipling fala dessa fortaleza como um trabalho de anjos e gigantes.

Mehrangarh é um marco de fundação da cidade. Naquele ano, 1459, o emissário do rei, Rao Johda, escolheu o lugar, mesmo sabendo que ali era a morada e Dhuni (lugar de penitência) de um asceta (um homem santo): Mehran Baba ou Cheeria Nathji. 

Os homens do rei expulsaram o sábio que amaldiçoou o projeto declarando que a fortaleza somente seria inespugnável se se um homem vivo fosse enterrado em suas fundações.

Um humilde negociante de peles, Rajaram Meghwal (ou Rajiya Bhambi) se odereceu ao sacrifício com acondição de que sua família fosse protegida perpetuamente pelo rei. 

O desejo foi cumprido e os descendentes de Rajaram-Rajiya vivem até hoje na cidade usufruindo da condição de protegidos do governo e são homenageados todos os anos no dia da festa de comemoração da fundação de Jodhpur, 12 de maio.

FONTES 
¿Será un espejismo?: una misteriosa Ciudad Azul, ubicada en la India.
DIARIO VELOZ, publicado em 16/12/2012.
[http://www.diarioveloz.com/notas/76595-sera-un-espejismo-una-misteriosa-ciudad-azul-ubicada-la-india]
GANAPATHY, Priya e MALLICK, Anurag. Jodhpur: Jewel of Marwar.
REDS CARAB, publicado em 24/09/2012.
[http://redscarabtravelandmedia.wordpress.com/2012/09/24/jodhpur-jewel-of-marwar/]

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...