quinta-feira, 3 de fevereiro de 2011

O "Sangue" da Geleira



ANTÁRTICA - A foto mostra a Bloody Falls, a Catarata de Sangue. Localizada na chamada geleira Taylor, há dois milhões de anos atrás, um pequeno reservatório, um bolha d'água ficou aprisionada nas entranhas da camada de gelo. Ali, isolados, sobreviveram e proliferaram micróbios. Formaram uma colônia.

Este pequeno aglomerado de tão persistente forma de vida, passou os milînios sem qualquer exposição à luz do Sol, oxigênio, fonte de calor. Mais recentemente, com o advento do fenômeno de aquecimento global boa parte das geleiras da Antártica derreteram e acabaram por abrir uma janela para que, finalmente, este microorganismos retomassem contato com o mundo além da velha ilha-bolha de água cercada de gelo

A água aprisionada, ao fluir para o meio ambiente ao ar livre, mostra-se como um líquido espumante e, sua cor sanguínea deve-se à intensa concentração de ferro no citoplasma dos microorganismos. Estes estranhos seres invisíveis, estes micróbios, são de um tipo que não poderia subsistir em nenhum outro lugar do planeta e são mais uma prova de a vida pode se manifestar ainda que seja nos mais hostis ambientes que o homem possa imaginar. Meditemos...

FONTE: The earth shall bleed.
IN Cracked - publicado em 02/01/2011
[http://www.cracked.com/blog/8-real-photographs-that-prove-hell-exists-earth_p1]



Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...